Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Divulgação é o maior desafio para desenvolvedores de apps, aponta especialista

Postado em: 23/11/2012, às 17:35 por Fernando Paiva

Promover o seu aplicativo, fazendo com que o consumidor o encontre no meio de catálogos com centenas de milhares de títulos: essa é a maior dificuldade de desenvolvedores móveis, afirma Andreas Constantinou, diretor da empresa de pesquisas VisionMobile. Não se trata de uma opinião pessoal, mas de uma constatação a partir da pesquisa anual que a VisionMobile realiza com milhares de desenvolvedores no mundo inteiro. MOBILE TIME entrevistou o executivo e pediu para que ele listasse os principais desafios para quem programa apps para Android, iOS e HTML5. Nos três casos, a dificuldade de ter o app encontrado (em inglês usa-se o termo "discoverability") foi citada em primeiro lugar. No Android e no iOS, o problema são os catálogos gigantescos. Já no HTML5, a dificuldade decorre da falta de uma loja de apps móveis reconhecida internacionalmente pelos consumidores.

Os desenvolvedores de iOS reclamam também do rigoroso, demorado e por vezes nebuloso processo de aprovação da Apple para inclusão de títulos na App Store. "Há casos em que um app é rejeitado e não se sabe o porquê", comenta. Há notícias também de censura explícita. "Eu soube do caso de um app que foi retirado porque incentivava a comparação entre o iPhone e smartphones da Samsung", relata. Outro desafio para os desenvolvedores de iOS é a alta qualidade dos apps criados para esse sistema. Segundo Constantinou, o nível é alto, requerendo que se invista pesado em design e interface com o usuário, caso se queira ter alguma chance de competir.

No Android, por sua vez, a fragmentação é outro desafio. É preciso adaptar o app para diferentes tamanhos de tela e versões do sistema operacional. "Depois de lançado, você descobre que há bugs em aparelhos que nem sabia que existiam", comenta. A fragmentação também aflige quem desenvolve para HTML5. Neste caso, o problema é a variedade de browsers com funcionalidades distintas. O Financial Times, um dos casos mais emblemáticos de provedor de conteúdo que optou pro HTML5, gasta uma fortuna para continuamente atualizar e adaptar seu app, relata o especialista. Outro problema do HMTL5 é a falta de emuladores e SDKs para ajudar os desenvolvedores.

Windows Phone e BB10

Constantinou não enxerga grande entusiasmo por parte dos desenvolvedores pelo Windows Phone e nem pelo Blackberry 10, em razão principalmente da base diminuta de usuários de ambos os sistemas. Com alcance reduzido, sua atratividade é menor junto aos desenvolvedores. Além disso, há a barreira do aprendizado de qualquer novo sistema. "É como aprender uma língua nova. Mesmo que seja parecida com aquela que você já fala, toma-se tempo. É preciso de 6 a 12 meses para aprender um novo OS", diz.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top