Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Mobobox compra aplicativo chileno Quién Llama por US$ 50 mil

Postado em: 29/01/2016, às 16:14 por Henrique Medeiros

A empresa do aplicativo de identificação de operadora Mobobox (Android e iOS) confirmou na última quinta-feira, 29, a compra do app chileno Quién Llama por US$ 50 mil. Com o investimento, a start-up pretende começar a expansão de seus serviços para a América Latina e – além do Chile – mira nos próximos meses outros países da região, como Argentina e Uruguai.

Em conversa com o MOBILE TIME, Rafael Costa, sócio da Mobobox, disse que a compra foi para iniciar o processo de expansão na região. Ao contrário da compra anterior – apps Qual Operadora?, Me diga a operadora e Qual Operadora –, que envolvia troca de tecnologia. “Estávamos interessados na marca (Quién Llama) para entrar no mercado chileno. Esse aplicativo teve 4 milhões de downloads em 2015 e conta com um pouco menos de 2 milhões de usuários ativos por mês”, disse Costa.

Questionado sobre a aquisição ser uma possível ‘pechincha’, o empresário admite: "fizemos um bom negócio”. Para ele, a marca chilena abre perspectiva para melhorar o modelo de negócio da Mobobox no futuro. O empresário brasileiro explicou que o investimento no Chile teve mais um motivo: a similaridade dos formatos de planos de operadoras de telefonia para o usuário final nos dois países, seja em preços ou quantidade de opções.

“Nós conhecemos um pouco o mercado chileno, ele é bem parecido com o mercado brasileiro. Um setor com operadoras diferentes, preços diferentes, os usuários usam dois chips. A gente vê uma oportunidade de replicar o modelo de negócios nesse país”, completou.

Durante a crise, o melhor remédio é investir

O sócio da Mobobox respondeu sobre fazer investimentos em período de crise, pois sua empresa comprou em pouco mais de um mês quatro apps, enquanto a maioria das empresas diminui os gastos. Em sua visão, o setor de tecnologias móveis possui espaços para crescer. Ele cita o exemplo do próprio aplicativo, com crescimento dos negócios atrelado em auxiliar o consumidor com a economia em planos de celular.

“O setor vai continuar em expansão. E com o nosso objetivo de ajudar o usuário a economizar com dinheiro – controlando os gastos da conta –, nós também vamos crescer”, disse o empresário.

Com o aumento de seus negócios para o Chile, a empresa brasileira busca um gerente de marketing para ficar dedicado à América Latina e almeja crescer a quantidade de usuários e downloads na região com ações de marketing.

Para o Brasil, Rafael Costa explicou que pretende dobrar a base de usuários ativos. Atualmente a Mobobox possui 1 milhão de usuários ativos por mês (MAUs, na sigla em inglês) e um histórico de 3 milhões de downloads do app.

Entra Mobobox, sai Quién Llama

Assim como aconteceu com a compra anterior, a ideia da start-up brasileira é substituir aos poucos o app chileno pelo Mobobox em sua base de usuários no país andino. Para efetuar o relacionamento com os seus consumidores, a empresa enviará notificações (push) para os usuários fazerem a troca. “Com a substituição para o nosso app, o nosso plano é colocar a Mobobox como a marca dos nossos serviços na América Latina”, disse Costa.

No aplicativo, a empresa planeja adicionar sistema de recompensa para o usuário, com a pessoa ganhando créditos em dinheiro, serviço de telefonia ou créditos na conta do celular. Recentemente, a Mobobox adicionou a funcionalidade "Meu Cartão" para a troca de cartões de visitas entre usuários do app.

Tags: , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top