OUTROS DESTAQUES
Cronograma das privatizações
quinta-feira, 05 de março de 1998 , 00h30 | POR REDAÇÃO

O BNDES, que é o principal gestor do processo de desestatização do Brasil, tem uma visão mais realista do que a do Ministério das Comunicações a respeito do timing das privatizações do setor de telecomunicações. No seu cronograma para 1998, o banco oficial prevê que as áreas 2 (interior de São Paulo) e 3 (Rio de Janeiro e Espírito Santo) da banda B da telefonia celular só serão efetivamente licitadas a partir de abril (segundo trimestre). Já as áreas 4, 5, 6 e 8 da banda B e também tudo o que está relacionado ao Sistema Telebrás (banda A, holdings fixas e a Embratel) só passariam para o setor privado a partir do terceiro trimestre, segundo as expectativas do BNDES. Ou seja: não deve se realizar o cronograma do Minicom, que previa vender tudo até julho.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top