OUTROS DESTAQUES
Sai o primeiro vencedor da banda B. É a Americel
domingo, 06 de abril de 1997 , 17h30 | POR REDAÇÃO

O consórcio Americel (Telesystem + Bell Canada + Fundos de Pensão + Grupo La Fonte + Banco do Brasil + Citibank + Banco Opportunity) já levou a área 7 (Distrito Federal, Goiás, Tocantins, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia e Acre). Como não houve recursos, a comissão de licitação da banda B decidiu abrir a proposta de preço do consórcio. A Americel apresentou uma proposta de R$ 338,5 milhões pela outorga, ou seja, um ágio de 25,37% sobre o preço mínimo estipulado pelo Minicom, que era de R$ 270 milhões. A proposta de tarifa básica foi de R$ 17,41, contra R$ 34,55 atualmente praticados pela Telebrasília. A habilitação deverá custar aos novos assinantes do sistema da Americel R$ 158,40, contra R$ 338,98 da Telebrasília. A impressão dos representantes dos consórcios presentes à cerimônia de divulgação dos habilitados era a de que, agora, o governo provou definitivamente que pretende concluir logo o processo de licitação da banda B. Fontes bem situadas no mercado acreditam que o consórcio Americel estaria vislumbrando a possibilidade de vencer também a licitação na área 2 (interior de São Paulo) por meio da participação do consórcio Telet, que é clone do Americel. A área 2 é uma área vizinha à área 7 muito mais interessante comercialmente. Caso a Telet não vença, a Americel se associaria com quem levar o interior paulista. Seria a única possibilidade de tornar o investimento na área 7 justificável comercialmente.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top