OUTROS DESTAQUES
Serviços de voz
Haverá meio bilhão de conexões VoLTE no mundo ao fim deste ano

O serviço de voz sobre redes 4G, também conhecido como VoLTE (Voice over LTE), está crescendo rapidamente no mundo. Já existem 100 redes com essa tecnologia implementada em 55 países. A expectativa é de que ao fim deste ano haverá 540 milhões de conexões móveis usando VoLTE. E em 2022 a base chegará a 4,6 bilhões, o que representará mais de 90% do total de acessos 4G do mundo, prevê a Ericsson, em seu novo relatório global sobre mobilidade.

Atualmente, os mercados que estão puxando a adoção do VoLTE são EUA, Japão e Coreia do Sul. Na maioria das redes desses países, o VoLTE já representa 60% do tráfego de voz entre smartphones 4G. E em alguns casos chega perto de 80%. Neles, o uso da tecnologia é feita de maneira automática, bastando o usuário ter um telefone compatível. Hoje existem mais de 1 mil modelos de smartphones capazes de usar VoLTE. Na Europa Ocidental, a adoção ainda é baixa porque em algumas redes o usuário precisa fazer a configuração do aparelho. Outra barreira é quando a operadora cobra um preço adicional pelo uso de VoLTE.

No mercado brasileiro, as operadoras estão em fase de testes. A TIM está entre as mais avançadas: no fim do ano passado ela fez uma demonstração de chamada VoLTE de São Paulo para Fernando de Noronha, durante encontro de fim de ano com jornalistas. Um dos obstáculos no Brasil é a necessidade de adaptação do sistema para a gravação de chamadas por decisão judicial, no caso de investigações policiais.

Para o consumidor, a experiência com VoLTE é significativamente melhor que a de uma ligação comum. A chamada é completada de maneira praticamente instantânea e a qualidade do áudio é em alta definição.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top