OUTROS DESTAQUES
Embratel não entra na discussão
terça-feira, 30 de maio de 2000 , 20h58 | POR REDAÇÃO

O gerente de interconexão da Embratel, José Roberto Souza Pinto, não se aprofunda na discussão sobre o monopólio da concessionária na Internet. Como admite, trata-se de atender um mercado que, em breve, começará ser compartilhado por outros players. Souza acredita que o futuro da interconexão será dirigido pelas "forças regulatórias", ou seja, pela Anatel, que deverão abranger a competitividade, as inovações tecnológicas, as diferentes plataformas e a convergência. O gerente da Embratel diz que a interconexão evoluirá em termos de variedade de acordos, preços e descontos relativos ao volume de tráfego e transações e para acordos que contemplem voz sobre IP e altas taxas de transporte de informação.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top