Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Outubro registra o maior crescimento do número de vírus

Postado em: 01/11/2005, às 19:39 por Redação

A Sophos acaba de divulgar seu relatório dos dez piores vírus e boatos virtuais que causaram problemas nos PCs em todo o mundo em outubro de 2005. O relatório, produzido pela rede global de centros de monitoramento da empresa, revela que, em outubro, foi registrado o maior crescimento do número de vírus desde que o ranking da Sophos foi criado.

O Netsky-P, verme criado pelo adolescente alemão Sven Jaschan, continua na liderança do ranking, mesmo após ter sido detectado há 20 meses. No entanto, o Mytob-GH, variante do Mytob que apareceu pela primeira vez em 16 de outubro, já ocupa a segunda posição e mostra sinais de força (veja lista abaixo).

Segundo o estudo, a relativa calmaria de setembro em comparação com os novos vírus teve vida curta, com o recorde de crescimento no total em outubro: 1.685. Os especialistas da Sophos revelam que dois terços dos vírus reportados à empresa durante o mês passado eram versões do Mytob, com significantes impactos das novas variantes Mytob-GH e Mytob-EX.

?A desagradável presença de novas ameaças virtuais neste mês não chega a ser surpresa à medida que os criadores de vírus dinamizam o seu jogo à procura de novas formas de ?ganhar? mais dinheiro?, diz Carole Theriault, consultora sênior de segurança da Sophos. ?A dinastia Mytob continua a crescer, atacando os ambientes de rede de forma rápida e rude. Os usuários devem se certificar que seus antivírus estão regularmente atualizados mesmo que suas verificações não mostre sinal de ataques?, complementa a consultora.

Enquanto o Netsky-P ainda posa como um potente verme aos pro ativos usuários, ele se mantém no topo da lista de outubro pelo terceiro mês consecutivo, apesar da baixa de 18,6% (em setembro) para 17,13% (em outubro) dos casos de vírus reportados à Sophos.

A lista deste mês contempla apenas três famílias de vírus: Netsky, Mytob e Zafi, o que indica que os criadores de vermes continuam a desenvolver variantes de vírus já estabelecidos, que se mostram mais eficientes para os ganhos financeiros. ?Há seis variantes do Mytob em outubro, metade dos novos ingressos?, explica Theriault. ?Os criadores do Mytob vieram como uma gangue de desenvolvedores de vermes chamada Hellbolt. Com inúmeros membros na gangue eles conseguem facilmente desenvolver diversas variantes em um curto espaço de tempo?, revela.

Para minimizar a exposição das empresas às pragas virtuais, a Sophos recomenda que elas adotem uma política de segurança no gateway de e-mail que possa barrar arquivos executáveis indesejáveis. As companhias devem também usar um software antivírus atualizado e firewalls, além de instalar as últimas versões dos aplicativos de segurança.

A lista de boatos manteve quase as mesmas posições do mês anterior, com exceção ao ?HIV Needles?, que subiu para a terceira posição (veja lista abaixo).

As dez piores pragas virtuais foram:

1. Netsky- P 17.2%
2. Mytob-GH 8.1%
3. Mytob-EX 5.7%
4. Mytob-AS 5.4%
5. Mytob-BE 5.3%
6. Zafi-D 3.0%
7. Netsky-D 2.5%
8. Mytob-C 2.4%
9. Zafi-B 2.3%
10. Mytob-ER 2.3%
Outros 45.8%

Os dez piores boatos virtuais:

1. Hotmail hoax 17.5% (líder pelo 16º mês consecutivo)
2. Meninas da Playboy 10.9%
3. HIV Needles 8.8%
4. Bonsai kitten 8.4%
5. Budweiser frogs screensaver 6.6%
6. A virtual card for you 5.5%
7. Bill Gates fortune 4.1%
8. WTC Survivor 3.0%
9. Jamie Bulger 2.8%
10. Sainsbury´s Gift Vouchers 1.5%
Outros 30.9%

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top