Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

IBM prevê reduzir em 80% o consumo de energia com consolidação de servidores

Postado em: 02/08/2007, às 20:56 por Redação

A IBM anunciou nesta quinta-feira (2/8) que consolidará 3,9 mil servidores em cerca de 30 mainframes System z, que executam o sistema operacional Linux. O novo ambiente deve consumir cerca de 80% menos energia e a empresa espera economizar custos com energia, software e sistema. A iniciativa faz parte do Projeto Big Green, um programa anunciado pela IBM em maio, no qual pretende aplicar U$ 1 bilhão para reduzir o consumo de energia de seus data centers e dos clientes.

A IBM tem mais de 743 mil metros quadrados de espaço para data centers (o equivalente a 139 campos de futebol americano) e executa as maiores e mais sofisticadas operações de centro de dados do mundo, tendo como principais localizações os centros de Nova York, Connecticut, Colorado, Reino Unido, Japão e Austrália. A empresa prevê que a nova infra-estrutura global, que possui 355.766 usuários, servirá como um poderoso exemplo de design de ponta de data centers para grandes empresas em todo o mundo.

?Como um dos maiores provedores e empregadores de tecnologia do mundo, a IBM avalia como os seus sistemas podem ser ampliados para dar suporte aos seus funcionários e clientes?, afirmou Linda Sanford, vice-presidente sênior de tecnologia da informação da companhia. ?Essa consolidação mostra que a IBM está realmente comprometida em conduzir uma otimização mais sólida de tecnologia e energia, além das economias de custos."

O projeto de consolidação se beneficia da capacidade que um único mainframe possui de se comportar como centenas ou milhares de servidores individuais. Tal capacidade, chamada de virtualização, reparte os recursos de sistema de um mainframe ? incluindo os ciclos de processamento, rede, armazenamento e memória ? em vários servidores virtuais. Cada servidor virtual opera como uma máquina física real. A migração irá utilizar somente uma parte de cada mainframe, deixando uma parcela significativa para crescimentos futuros.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top