Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Web 2.0 vai afetar corporações de forma dramática, diz especialista da IBM

Postado em: 03/10/2007, às 21:32 por Erivelto Tadeu

Um estudo encomendado pela IBM revela que 65% das grandes companhias em todo o mundo deverão promover profundas mudanças em seus processos e no modelo de negócio nos próximos dois anos. E um dos principais fatores que estão influenciando essas transformações é a web 2.0, conforme apontou o gerente de novas tecnologias aplicadas da IBM, Cezar Taurion, durante palestra nesta quarta-feira na 1ª Conferência Web 2.0 Corporate, promovida pelas revistas TI INSIDE e TELETIME e organizada pela Converge Comunicações.

E esse cenário de alterações, segundo ele, vem afetando as corporações de forma dramática. ?Estamos vivendo mais uma etapa de evolução da internet, em que ela está se tornando mais colaborativa, e também mudanças significativas no comportamento social, nativas da geração digital?, observou Taurion. Como exemplos desse fenômeno, ele cita o YouTube, a Wikipédia e as redes sociais, principalmente as voltadas a profissionais como o LinkedIn e o FaceBook.

O especialista observa que a web 2.0 está criando novas fronteiras para a colaboração e a inteligência coletiva, o que tem implicações para as empresas. Trata-se, diz ele, de uma inovação de fora de fora para dentro, que está derrubando os muros que delimitam as empresas. De acordo com Taurion, a maneira como as empresas devem agir em relação à web 2.0 é incorporar as tecnologias que florescem na web aos negócios. A própria IBM, segundo ele, já despertou para esse fenômeno e vem incentivando o uso de blogs internos e externos. ?Hoje a IBM tem aproximadamente 50 mil blogs dentro da corporação, publicados na intranet da companhia, e cerca de 100 blogs externos.?

Taurion conta que a companhia também criou uma wiki central, uma central para criação de manuais, desenvolvimento de sistemas de forma colaborativa. Além disso, a IBM dispõe de uma série de outras ferramentas de colaboração como o Global Innovation Outlook (GIO), estudo conduzido desde 2004 por um time formado por quase 250 integrantes de diferentes áreas em 36 países que tem como meta discutir alguns cenários, como conteúdo digital, e que impacto eles vão causar nos negócios da empresa.

No ano passado, Taurion diz que a IBM criou uma iniciativa chamada Innovation Jam, que demonstra o poder da colaboração. Trata-se de um fórum eletrônico que reúne funcionários, seus familiares e clientes de vários países para debater online alguns temas como sustentabilidade, saúde, transportes e outros. Recentemente, ele conta que foi realizado um Jam com executivos da cadeia automobilística americana como o intuito de gerar novas idéias e resolver problemas do setor.

O gerente de novas tecnologias aplicadas da IBM observa que as tecnologias web 2.0 foram vistas no início apenas como tecnologias aplicadas à criação de relacionamentos sociais, mas que hoje já se começa a ver que elas podem e devem ser bastante efetivas no ambiente empresarial, alavancando oportunidades de negócio. Segundo Taurion, as empresas começam a observar que incrementar comunidades agrega valor ao negócio, criando vantagens competitivas interessantes.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top