Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Apple contrata ex-funcionários da Texas para centro de desenvolvimento de chip

Postado em: 04/12/2012, às 12:08 por Redação

A Apple está contratando ex-funcionários da Texas Instruments, a fim de impulsionar seu centro de pesquisa e desenvolvimento (P&D) em arquitetura de chips. Eles estão sendo alocados no laboratório da empresa nas cidades de Hertezliya e Haifa, em Israel. Os empregados incorporados são parte dos 1,7 mil demitidos pela Texas, um dos pontos centrais de seu plano de reestruturação para tentar reverter os prejuízos registrados nos últimos trimestres. Com a medida, 250 especialistas em P&D  do centro que a empresa mantém em Ra’anana, também em Israel, foram dispensados.

De acordo com o The Next Web, muitos dos engenheiros despedidos estavam trabalhando no centro de desenvolvimento voltado a chips OMAP (Open Multimedia Applications Platform) — chips para aplicações multimídia para dispositivos móveis — e de rádio, incluindo as tecnologias Wi-Fi e Bluetooth, para smartphones e tablets. A Texas optou por descontinuar as operações desses chips e dar prioridade a plataformas embarcadas. Além disso, a companhia deve transferir toda a estrutura de P&D de volta para os Estados Unidos, encerrando de vez as atividades em Israel.

A Apple se aproveitou dessa situação. A empresa começou a buscar engenheiros em janeiro. O objetivo era montar uma equipe especializada no desenvolvimento de semicondutores com forte ênfase em circuitos elétricos e de testes analógicos e de hardware. Trata-se do primeiro laboratório de peso fora da Califórnia, onde fica a sede da fabricante, apesar de manter algumas unidades em Austin, no Texas, Vancouver, no Canadá, e na França e Alemanha.

Ainda segundo o The Next Web, provavelmente os engenheiros vindos da Texas irão se concentrar em projetos da unidade de tecnologia, responsável por processadores como o novo A6X, presente no iPad 4. Sua arquitetura foi desenvolvida por uma equipe da própria empresa, o que se acredita ser a primeira CPU totalmente customizada pela Apple, incluída também no iPhone.  A empresa define o futuro da área como “ambicioso”, ganhando destaque na cobertura midiática também devido aos planos de incorporar componentes próprios também nas linhas de computadores.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top