Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

MCT credencia interessados em fabricar Computador para Todos

Postado em: 06/10/2005, às 18:59 por Redação

Os critérios para o credenciamento de fabricantes que poderão produzir computador para o Programa PC Conectado (Computador para Todos) foram definidos com a publicação de uma portaria do MCT- Ministério da Ciência e Tecnologia no Diário Oficial de hoje, 6/10, que contarão com condições especiais de financiamento.

O Ministério será o responsável por esse credenciamento, que deve ser feito com um tempo médio de duas semanas. Para se cadastrar, as empresas devem preencher um formulário similar ao utilizado pelo Ministério para credenciar instituições que queiram usufruir dos benefícios da Lei de Informática. O formulário estará disponível na próxima semana no site do MCT.

Modelo

O programa definiu um conjunto de funções que o produto deve desempenhar, com um limite mínimo de configuração, e um limite máximo de preço de R$ 1,4 mil. A idéia é que o computador já saia da loja completo e pronto para ser usado, com hardware, sistema operacional e um conjunto de softwares livres com 27 aplicativos, como edição de foto, processamento de textos e planilha, anti-vírus e navegação na internet.

Todo o sistema operacional do computador será em código aberto.
O PC Conectado terá a configuração de um micro convencional, com um monitor de vídeo de 15 polegadas, teclado, mouse, micro processador, HD de 40 GB, FLOP, CD-Rom, disco flexível de 1,44 MB, memória de 128 MB e fax modem.
Para o programa, o governo dará isenção total do PIS-Cofins; o Banco do Brasil já lançou uma linha de crédito com recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador.

O BB Crediário PC Conectado financiará até R$ 1,2 mil para a compra do equipamento em 24 meses e juros de 2% ao mês. A Caixa Econômica Federal também lançou uma linha de crédito com financiamento semelhante.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top