Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Citibank é alvo de novo ataque hacker de roubo de dados

Postado em: 08/08/2011, às 11:00 por Redação

Dados pessoais de 92.408 clientes de cartão de crédito do Citigroup, controlador do Citibank, do Japão, foram roubados e vendidos a terceiros, admitiu o banco norte-americano na sexta-feira, 5. Entre as informações, estão números de contas, nomes, datas de nascimento e de abertura de contas, endereços e telefones. Este foi o segundo vazamento de dados do Citi, que já havia sofrido um ataque hacker nos Estados Unidos, que culminou com o roubou de US$ 2,7 milhões de clientes norte-americanos de cartão de crédito do banco. Na ocasião, o Citibank cobriu todas as perdas.(veja links abaixo)
A instituição financeira afirmou, entretanto, que dados mais sigilosos como senhas e códigos de identificação não foram violados, o que diminui a possibilidade de fraudes. O Citigroup revelou que está colaborando com as investigações e comunicou a polícia logo após ser notificado por um de seus clientes.
Todas as pessoas que tiveram seus dados roubados estão sendo notificadas e o banco irá repor cartões de acordo com as solicitações. Não foi identificada nenhuma atividade suspeita até agora e, em caso de fraudes nas contas, nenhum cliente será responsabilizado, garantiu a instituição financeira.
Diferentemente do episódio dos Estados Unidos, no qual 360 mil contas foram invadidas por meio de uma técnica hacker sofisticada, o roubo realizado na operação japonesa do Citi foi facilitado por um terceiro que deu acesso a sistemas internos do banco, segundo fontes ouvidas pelo Wall Street Journal.
Em entrevista ao jornal, o CTO da empresa de segurança wireless AirPatrol, Tom Kellerman, culpou as instituições financeiras pela falta de fiscalização de terceiros, que gerenciam suas estruturas em todo o mundo. "Mesmo que os bancos reforcem seus castelos, ainda haverá extensões não monitoradas", acusa. Em uma pesquisa de 2009 da Verizon Communications, um terço dos roubos de dados aconteceu devido a terceiros.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top