Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Samsung deve se aliar à Microsoft para reforçar linha de tablets, dizem jornais

Postado em: 08/09/2011, às 12:28 por Redação

A Samsung quer diversificar seu portfólio de tablets e para isso pretende firmar parceria com a Microsoft para usar o Windows 8 nos equipamentos. A estratégia da fabricante coreana com o acordo seria acabar com a série de processos judiciais que vem sendo algo por quebra de patentes. Atualmente, a linha de tablets da empresa é equipada com o sistema operacional Android, do Google. O rumor sobre a aliança veio à tona com a publicação de uma nota no jornal coreano Economic Daily, que foi confirmado por fontes ligadas ao assunto ao The Wall Street Journal. Segundo as fontes, o acordo será anunciado durante a conferência para desenvolvedores da Microsoft, que acontece na semana que vem, na Califórnia, Estados Unidos.

As especulações sobre a associação surgem dias antes da decisão sobre um dos 19 processos abertos pela Apple contra a empresa, nos quais ela é acusada de quebra de patentes. Um tribunal alemão deve divulgar nesta sexta-feira, 9, se irá proibir as vendas de tablets da Samsung no país. Se a decisão for favorável a Apple, a Samsung pode perder um grande mercado consumidor para seus tablets, o maior da Europa, até o julgamento final, que deve acontecer somente no ano que vem. É difícil mensurar, entretanto, o quanto isso afetaria os negócios da Samsung, já que os tablets ainda respondem uma fatia relativamente pequena da sua receita total. Analistas estimam que a remessa de tablets da Samsung atingiu 2 milhões de unidades no primeiro semestre, número modesto se comparado aos 140 milhões de celulares vendidos pela empresa no mesmo período.

Além da Alemanha, a Samsung tem processos pendentes nos Estados Unidos. Caso perca o processo aberto no Tribunal da Califórnia, a fabricante coreana seria fortemente afetada, já que se trata do maior mercado consumidor de seus tablets e smartphones.

A iniciativa de fazer uma parceria com a Microsoft para reduzir a quantidade de ações na Justiça por quebra de patentes é ainda mais compreensível quando se verifica que a Apple decidiu abrir mais um processo compra a empresa, desta vez no Japão, alegando quebra de patentes. Neste caso, os produtos atingidos são os smartphones Galaxy S e S II, e o tablet Galaxy Tab 7,  segundo a agência japonesa de notícias Kyodo. O processo afirma que a fabricante viola as patentes do iPhone e do iPad, e busca uma indenização de 100 milhões de ienes (o equivalente a US$ 1,3 milhão).

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top