Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Bancos e setor de saúde podem economizar até US$ 8 bi por ano usando chatbots

Postado em: 09/05/2017, às 22:34 por Redação

Os chatbots vão redefinir o o setor de atendimento ao cliente, e os setores de saúde e bancário serão os maiores beneficiados, segundo estudo feito pela Juniper Research. A nova pesquisa, Chatbots: Retail, eCommerce, Banking & Healthcare 2017-2022, prevê que os chatbots serão responsáveis pela economia de custos de mais de US$ 8 bilhões por ano até 2022. Só este ano a economia será superior a US$ 20 milhões.

O estudo indica que o corte de custos será proporcional à velocidade de atendimento e da solução dos problemas dos clientes. A autora da pesquisa, Lauren Foye, explicou: "Acreditamos que os provedores de serviços de saúde e os bancos que usam bots podem esperar economias de tempo médio de pouco mais de 4 minutos por consulta, igualando a economia média de custo entre US$ 0,50 e US $ 0,70 por interação".

O avanço da Inteligência Artificial também reduz a necessidade de atendentes humanos, com forte impacto na empregabilidade.

A Juniper descobriu que muitos bots são adequados para consultas como o diagnóstico de saúde, onde os usuários podem selecionar respostas pré-definidas, permitindo que os bots avaliem os problemas de saúde e recomendem ações. Com a maior capacidade de AI, os bots poderão, inclusive, auxiliar em diagnósticos de saúde mais sofisticados, como monitoramento e análise da saúde mental.

A conclusão do estudo é que a taxa de sucesso das interações de bot no setor de saúde passará dos 12% atuais para mais de 75% em 2022. No setor bancário, a expectativa é que a taxa chegue a 90% no mesmo ano.

Tags: , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top