Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Prefeitura do Rio de Janeiro recebe quase 2 mil ideias de aplicativos

Postado em: 09/11/2011, às 07:00 por Gabriela Stripoli

A fase inicial do projeto Rio Ideias, que recolheu sugestões de cidadãos para construção de aplicativos multiplataforma para melhorar a qualidade de vida dos cariocas, foi concluída nesta terça-feira, 8, com 1.811 contribuições. O número é três vezes maior do que o recebido pela cidade de Nova York em projeto semelhante, que inspirou a prefeitura do Rio de Janeiro a implantar a ação.

“Com base no que recebemos dos internautas, iremos selecionar os dez mais bem votados pelo público e 20 indicados por especialistas para serem colocados em prática para celulares e tablets com diferentes sistemas operacionais”, explicou o chefe executivo digital da prefeitura do Rio de Janeiro, Pedro Peracio. Segundo ele, o site do projeto recebeu 1 milhão de visitas desde a sua criação. O executivo assumiu o cargo em março deste ano, responsável pela integração digital da gestão do município, desde sistemas, como o Centro de Operações Rio, até mídias on-line.

Também inspirado no cargo criado pela prefeitura de Nova York para gerenciar a construção de um sistema de TI para otimizar a gestão dos dados da cidade, Peracio tem a difícil missão de centralizar as informações dos órgãos públicos e privados em  canais digitais, especialmente em redes sociais. Ele adianta que a prefeitura está trabalhando para lançar uma conta no Twitter única para ouvir e informar os cidadãos. Para isso, o desafio é unificar o comportamento e as políticas de interação social.

“Cada agência tem suas maneiras de se relacionar com o público. Ao mesmo tempo em que algumas autoridades falam diretamente com os cidadãos pelo Twitter, como o próprio prefeito Eduardo Paes e o secretário de serviços públicos, Carlos Roberto Osório, outras preferem utilizar assessorias de imprensa e ter um contato mais impessoal”, confessa. Apesar disso, Peracio é otimista quanto à adoção pela população quando o serviço for lançado, pois ressalta que os projetos já implantados, como o Centro de Operações Rio, têm experiências bem-sucedidas com o público. Segundo ele, o carioca é engajado e colabora dando informações e utilizando as fontes oficiais sobre a cidade.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top