Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Negroponte agora anuncia tablet de US$ 100

Postado em: 10/01/2012, às 17:18 por Redação

Nicholas Negroponte não desiste. Depois de ver fracassar seu projeto de laptop que custaria apenas 100 dólares, o guru tecnológico, criador do Media Lab, do Massachusetts Institute of Technology (MIT), e do projeto conhecido por OLPC, sigla em inglês para Um Laptop por Criança, apresentou uma nova versão do XO na Consumer Eletronics Show (CES), maior e mais tradicional feira de produtos eletrônicos do mundo, que acontece esta semana em Las Vegas, nos Estados Unidos.  Ainda em protótipo, o XO-3, como vem sendo chamado, terá o formato de tablet, ao contrário da versão anterior que tinha a forma de um laptop pequeno.

Conforme a apresentação do projeto na CES, o formato de tablet irá reduzir os custos de produção do dispositivo, tornando-o mais leve, e diminuir o consumo de energia. O equipamento será capaz de operar de oito a dez horas sem a necessidade de recargar a bateria. Pode ser alimentado por uma manivela, que fornece dez minutos de duração da bateria para uma carga mínima.

O XO-3 terá a cor verde limão e gabinete de plástico resistente a impacto. O blog Gizmodo elogiou o protótipo apresentado no domingo, 8, durante a prévia da CES, dizendo que ele é bem adequado para manuseio por crianças. O tablet vai operar com uma versão do sistema operacional Android, do Google, e um processador ARM de 1 GHz, e terá 4GB de capacidade de armazenamento em flash.

Apesar da mudança de formato, o preço permanecerá o mesmo. O XO-3 será vendido a partir de US$ 100, preço mínimo que o OLPC deve segurar até o lançamento. Para evitar erros do passado, o equipamento terá melhorias como uma opção com tela de 8 polegadas e a possibiidade de recarga solar. A proposta com o XO-3 é que ele também seja comercializado para governos de países emergentes, que desejam distribuir computadores em suas escolas. Mais de 2,5 milhões de modelos de primeira versão foram vendidos até agora.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top