Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Ações da Ciena desabam mais de 16%, mesmo após reverter prejuízo no ano fiscal

Postado em: 10/12/2015, às 18:11 por Redação

A Ciena Corporation, fabricante norte-americana de equipamentos de redes, divulgou nesta quarta-feira, 10, seus resultados financeiros do quarto trimestre e do ano fiscal de 2015, encerrados em 31 de outubro. A empresa fechou o ano com lucro de US$ 11,7 milhões, revertendo prejuízo de US$ 40,6 milhões registrado no exercício fiscal anterior. A receita totalizou US$ 2,4 bilhões, o que representa um crescimento de pouco mais de 4% na comparação com os US$ 2,3 bilhões contabilizados no ano fiscal passado.

Apesar de ter apresentado números melhores, as ações da Ciena tiveram uma forte queda na Bolsa de Nova York nesta quarta-feira, 10, que chegou a mais 16%. A reação de Wall Street pode estar ligada ao desempenho nada animador no quarto trimestre fiscal, que fechou com prejuízo de cerca de US$ 14 milhões, embora represente uma redução em relação ao prejuízo de US$ 30,7 milhões apurado mesmo período do exercício fiscal passado. A receita no trimestre, por sua vez, totalizou US$ 692 milhões, um aumento de 17% em relação aos US$ 591 milhões contabilizados um ano antes.

A região da América do Norte foi a responsável pela maior fatia da receita no trimestre, totalizando US$ 480 milhões, seguida pela região que engloba a Europa, Oriente Médio e África (EMEA), cuja receita foi de US$ 94 milhões, e a Ásia-Pacífico, que totalizou US$ 72,3 milhões. A região da América Latina e Caribe foi a que apresentou o pior resultado, com US$ 45,7 milhões de receita.

Para o primeiro trimestre do ano fiscal de 2016, a Ciena estima receita entre US$ 555 milhões e US$ 590 milhões. "Acreditamos na nossa capacidade para alavancagem operacional do negócio, principalmente quando combinado com fortes impulsionadores do mercado da próxima fase de transformação da rede, o que nos posiciona bem para entregar um contínuo crescimento e rentabilidade no ano fiscal de 2016 e além", disse Gary Smith, presidente e CEO da Ciena.

Tags: , , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top