Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Rede gaúcha de lojas adota thin clients e reduz em mais de 73% custos com suporte

Postado em: 11/02/2014, às 11:00 por Redação

Às voltas com a necessidade de aperfeiçoar a operação de sua rede de computadores e ao mesmo tempo reduzir os custos com infraestrutura, a 3 Passos, uma das maiores redes de lojas de departamento de vestuário feminino, masculino e infantil do Rio Grande do Sul, decidiu substituir seus desktops convencionais por thin clients — cliente magro, numa tradução literal, ou seja, terminais enxutos, desprovidos de quase toda a parafernália de um PC, mas que executam as mesmas tarefas que os equipamentos tradicionais.

A empresa adquiriu 100 equipamentos da Schalter, fabricante de produtos de automação comercial, bancária, industrial, nos quais foram investidos cerca de R$ 100 mil. A substituição dos tradicionais microcomputadores no parque de máquinas da rede se deu em razão de os antigos equipamentos apresentarem fragilidade e gastos elevados com manutenção, conforme explica Alexandre Grolli, gerente de tecnologia da informação das Lojas 3 Passos. "Decidimos pelo uso do thin client da Schalter por se adequar à plataforma utilizada na aplicação, além da robustez, confiabilidade, baixo consumo de energia do equipamento em um espaço reduzido."

Ele explica que, antes da instalação dos thin clients, era comum ter que executar boot (inicialização) em HDs ou em EPROMs [chips de memória de PCs].  "A imagem do sistema era carregada de um servidor de arquivos. Por se tratarem de equipamentos antigos, os desktops apresentavam limitação de memória [32 MB] o que seria insuficiente para a nova aplicação. Os novos thin clients vieram com 512 MB de memória, o que possibilitou a carga de um sistema mais robusto e moderno", detalha Grolli.

O executivo observa, também, que os custos com suporte e manutenção eram elevados: aproximadamente R$ 110 ao ano por desktop. "Com os novos thin clients, a manutenção e suporte praticamente caíram para um terço deste valor", explica. Grolli diz que com a substituição dos PCs tradicionais, o consumo de energia nas lojas também diminuiu consideravelmente, uma vez que emprega apenas 20 W por hora, enquanto um microcomputador gasta 250 W. "Também não tivemos nenhuma ocorrência de problemas nas máquinas nestes cinco meses de uso", afirma.

Outro benefício apontado pelo gerente de TI das Lojas 3 Passos é que, como o equipamento dispensa a utilização de uma rede estabilizada, os custos com manutenção e com no-breaks também foram reduzidos, assim como o número de chamados de manutenção. Utilizando os thin clients nos terminais ponto-de-venda (PDVs) de sua rede, a empresa aprimorou seu funcionamento e atendimento ao cliente, além de reduzir gastos desnecessários.

Tags: , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top