Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

LinkendIn confirma compra do aplicativo de leitura de notícias Pulse por US$ 90 milhões

Postado em: 11/04/2013, às 18:40 por Redação

A rede social de contatos profissionais LinkedIn confirmou nesta quinta-feira, 11, a compra do aplicativo de leitura de notícias Pulse por US$ 90 milhões. O valor está sujeito a ajustes, tendo como base uma combinação de cerca de 90% de ações a serem emitidas e 10% em dinheiro. Ainda sujeita à aprovação e outras condições habituais, aquisição deve ser concluída no decorrer deste trimestre.

O comunicado confere com as informações divulgadas há exatamente um mês por fontes ligadas às companhias. À época, o valor do negócio foi avaliado entre US$ 50 milhões e US$ 100 milhões e o objetivo da aquisição seria dar fôlego à estratégia do LinkedIn de se tornar uma plataforma de conteúdo direcionado. Assinado pelo vice-presidente sênior de produtos e experiência do usuário do Linkedin, Deep Nishar, o documento esclarece que a intenção da companhia é continuar a entregar valor aos membros da rede e, para isso, a "visão de conteúdo é que o Linkedin será a plataforma de publicação profissional definitiva, e a Pulse é um complemento perfeito para essa estratégia".

Após o fechamento do negócio, a equipe de funcionários da Pulse se juntarão a do LinkedIn na sede da companhia em Mountain View, na Califórnia. Os aplicativos da empresa adquirida continuarão a ter suporte. As equipes integradas trabalharão na construção das futuras versões de produtos de consumo de conteúdo profissional. A Pulse possui, atualmente, mais de 30 milhões de usuários ativos nos sistemas operacionais iOS e Android, em mais de 190 países, sendo aproximadamente 40% fora dos Estados Unidos.

Tags: , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top