Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Forrester reduz previsão de crescimento dos gastos com tecnologia

Postado em: 12/01/2017, às 12:01 por jackeline

A Forrester reduziu a previsão de crescimento dos gastos globais com tecnologia para algo entre 3% e 4% em 2017 e 2018, com a compra de bens e serviços de tecnologia e negócios registrando expansão de 3,2% e 3,9%%, respectivamente.

A projeção de 2017 já havia sido reduzida para 3,6% em setembro de 2016, justificada pela cautela das empresas após o voto Brexit, no Reino Unido, e as eleições presidenciais dos EUA, além da rejeição da Itália ao referendo do presidente Matteo Renzi.

O crescimento deverá subir para 3,9% em 2018. Os EUA e outros países experimentarão crescimento mais acentuado, mas o Japão, a maior parte da Europa e muitas economias emergentes verão um crescimento mais fraco nos gastos com tecnologia.

Em moeda norte-americana, a Forrester estima que os gastos globais com tecnologia irão registrar crescimento de 2,8% ante aos 2,3% de 2016. Porém, na maioria dos países da Europa Ocidental, no Japão e em boa parcela da América Latina a taxa deve subir não mais do que 2%. Os exportadores de petróleo, como a Rússia e a Arábia Saudita, cortarão os gastos com tecnologia em 2017, mas voltam a investir em 2018m, à medida que os preços se estabilizarem, de acordo com o relatório.

Ela dividiu o estudo em várias categorias. Um fator interessante é o montante que as empresas globais e o governo gastarão em aplicativos para celular, US$ 22,5 bilhões.

O software levará a maior fatia da torta (US$ 640 bilhões), seguido dos gastos globais de tecnologia, estimados em US$ 605 bilhões. Consultoria técnica e integração de sistemas devem receber a parcela de US$ 572 bilhões.

Cloud computing

Os serviços em nuvem remodelarão o mercado de tecnologia em 2017, mas as mudanças para inteligência artificial não terão uma forte influência até 2018.

A Forrester chama aplicativos de software-como-serviço (SaaS) e serviços de plataforma em nuvem como os drivers de crescimento. Os EUA terão influência na disseminação de serviços para a Europa, Ásia e América Latina.

"Em algumas categorias, a nuvem está reprimindo o crescimento, já que a queda nos gastos com hardware e software licenciado compensa o aumento dos gastos com a nuvem", informa o relatório.

No CRM, ePurchasing e outras aplicações, altas taxas de adoção de nuvens continuam a causar crescimento de dois dígitos. A plataforma de big data, na forma de business intelligence (BI), soluções cognitivas e análise incorporada, também impulsionará o crescimento do software, embora a lenta transição do BI para SaaS mantenha o aumento.

Inteligência artificial e aprendizagem de máquina não terão grande representatividade nos gastos com tecnologia até depois de 2018.

Tags: , , , , , , , , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top