Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Sibratec consumirá investimento inicial de R$ 30 milhões

Postado em: 12/03/2010, às 09:57 por Redação

A Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) assinou nesta sexta-feira, 12, convênios do programa Sistema Brasileiro de Tecnologia (Sibratec), do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), com 14 estados brasileiros. Nesta primeira fase, estão previstos investimentos de cerca de R$ 40 milhões para a implantação da Rede de Extensão Tecnológica, um dos três componentes do sistema.
Os outros dois eixos do Sibratec são os Centros de Inovação – que viabilizarão comercialmente conhecimentos científicos – e a Rede de Serviços Tecnológicos, que garantirá a qualidade dos produtos ofertados no mercado.
Segundo o MCT, o objetivo do Sibratec é proporcionar condições para o aumento da taxa de inovação das empresas, contribuindo para elevar o faturamento e a produtividade destas, além de torná-las mais competitivas nos mercados interno e externo. As Redes de Extensão Tecnológica funcionarão em nível estadual, prestando assistência às micro, pequenas e médias empresas, com vistas ao desenvolvimento e à solução de gargalos na gestão tecnológica.
"O extensionismo é, no meu entendimento, quando institutos tecnológicos, núcleos universitários organizados na forma de rede prestam assistência tecnológica às empresas de menor porte. E assistência tecnológica também é inovação", disse Sergio Rezende, ministro da Ciência e Tecnologia.
Participam da assinatura dos convênios os estados do Amazonas, Rondônia, Tocantins, Pará, Piauí, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás e Espírito Santo.
Entre 2007 e 2009, os 14 estados que participaram da assinatura – Amazonas, Rondônia, Tocantins, Pará, Piauí, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás e Espírito Santo – contaram com investimentos do MCT/FINEP de R$ 614 milhões para 242 projetos de ciência, tecnologia e inovação.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top