Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Global Crossing faz acordo para usar rede Metro-Ethernet da Eletropaulo Telecom

Postado em: 12/07/2007, às 23:44 por Redação

A Global Crossing, que opera redes metropolitanas e de fibra óptica internacional, fechou contrato com a Eletropaulo Telecom, operadora de serviços de telecomunicações na região metropolitana de São Paulo, para utilizar os circuitos Metro-Ethernet para atender seus clientes na capital paulista.

Com o acordo, cujo valor não foi divulgado, a empresa vai aumentar a disponibilidade de seus serviços de banda larga na região e expandir as ofertas de serviços para clientes corporativos. A Global Crossing está adicionando, inicialmente, 2 Giga Ethernet à rede de acesso já existente com tecnologia SDH (Synchronous Digital Hierarchy), de 2,5 Gbps.

?A tecnologia Metro-Ethernet oferece muitas vantagens para nossos clientes, como o aumento da capacidade de acordo com a demanda, sem a necessidade de realizarem novos investimentos na estrutura física?, afirma Gilberto Silva, diretor-geral da Global Crossing no Brasil. ?Alguns dos nossos mais importantes clientes estão adotando essa tecnologia, e esperamos que a demanda por novos circuitos continue crescendo.?

Atualmente, a Global Crossing atende diversos clientes de grande porte por meio da rede da Eletropaulo Telecom, em São Paulo. Entre eles estão a Eletropaulo Metropolitana e a AES Tietê, ambas pertencentes ao grupo AES, e que também utilizam os serviços da empresa no exterior. As duas companhias têm trabalhado juntas para atender às necessidades de telecomunicações na região, desde 2001.

?Além de expandir o relacionamento com a Global Crossing, esse acordo enfatiza a nossa expertise em fornecer infra-estrutura crítica, tanto para redes Metro-Ethernet como em soluções SDH, além de destacar a nossa capacidade para atuar, com sucesso, como parceira tecnológica em projetos especiais?, disse Teresa Vernaglia, diretora-geral da Eletropaulo Telecom.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top