Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

T-Systems aumenta a capacidade de gestão de processos

Postado em: 12/11/2012, às 17:50 por Redação

Lidar com um grande volume de informações e os riscos que permeiam o processo de transferência de milhares de arquivos entre clientes é o desafio diário da T-System do Brasil, empresa global especializada em infraestrutura de tecnologia de informação e comunicação. Dessa maneira, buscar a resolução de dificuldades relacionadas a volumetria, flexibilidade, escalabilidade, sustentação e monitoração para implantação de sua nova plataforma de Web EDI (Eletronic Data Interchange) e Automotive Services foi o que norteou a escolha pela implantação de uma plataforma  de BPM (Business Process Management) para apoiar os processos corporativos.

A T-Systems precisava de uma solução que fosse de fácil e rápida implantação, sem a exigência da utilização de codificação para o seu desenvolvimento, e que, sobretudo, alinhasse com estratégias corporativas globais para a oferta de soluções em Cloud, no modelo Dynamic Services e Application Management Services & Modernization (AMM). “Possuíamos alguns obstáculos tecnológicos que poderiam afetar direta e indiretamente algumas metas relativas a prazos e objetivos, inviabilizando nossas principais estratégias e investimentos”, explica Cleber de Castro Pereira, engenheiro e arquiteto de Soluções da T-Systems do Brasil.

Diante da complexidade desse cenário, a solução de BPM especializada na troca de arquivos EDI, desenvolvida pela inubit, fornecedora de sistemas de gestão de diversas fases dos processos corporativos, proporcionou à T-Systems recursos fundamentais para o gerenciamento eficiente do processo de transferência eletrônica de arquivos como: acompanhamento do fluxo da informação, ganho de velocidade no tratamento de erros com reprocessamento automático e monitoramento. “Conseguimos concretizar importantes procedimentos, como a validação de mensagens, notificação, mensageria, orquestração, monitoração, dentre outros. Através da solução de BPM-suite da inubit, aumentamos nossa capacidade máxima de processamento em dez vezes e tivemos um ganho de 40% nos recursos que seriam utilizados no desenvolvimento de uma ferramenta. Além disso, a flexibilidade da licença possibilitou um retorno de investimento maior, já que não há a contratação de componentes que não serão utilizados ou partes improdutivas”, afirma o engenheiro e arquiteto da T-Systems.

A implantação da tecnologia de BPM na T-Systems foi desenvolvida integralmente em parceria com as duas equipes, tanto o levantamento de requisitos e necessidades da ferramenta como sua arquitetura completa. “A solução permitiu a flexibilização do uso de nossa infraestrutura de acordo com a demanda de processamento, possibilitando adequar ambientes de acordo com possíveis necessidades de clientes, sem precisar reestruturar o escopo”, pontua Pereira.

A parceria com a inubit iniciou-se na Alemanha e a chegada de sua tecnologia ao Brasil coincidiu com o momento em que a T-Systems iniciava seus processos estratégicos Web EDI & Automotive Services no país em 2011. “Nosso objetivo era flexibilizar os negócios e as estratégias globais da empresa, de modo que eles pudessem focar nos processos de inteligência da ferramenta, ao invés de se concentrarem em questões que exigiam conhecimento na aplicação da tecnologia em si. E esta flexibilidade também está na licença, que permite a contratação de um produto ajustado às necessidades da companhia”, completa Ali Arzani, CEO da inubit Brasil.

No final de 2011, foi implementado um projeto piloto da ferramenta com acompanhamento de um especialista da inubit da Alemanha. Com suporte presencial e sob demanda dos profissionais tanto para a solução EDI desenvolvida na plataforma BPM, quanto para a ferramenta de desenvolvimento, a solução passou a ser utilizada em ambiente produtivo para a implementação de expansões e correções.  “Em ambos os casos o tempo de resposta sempre surpreendeu e a equipe da inubit foi assertiva para resolver nossas solicitações”, acrescenta Pereira.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top