Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Ativas conquista ISO 20000

Postado em: 13/09/2011, às 00:04 por Redação

A Ativas, empresa de tecnologia da informação do Grupo Asamar e da Cemig Telecom, acaba de conquistar a certificação internacional ISO 20000, relativa à qualidade do seu Sistema de Gestão de Tecnologias da Informação, confirmando seu posicionamento entre os melhores data centers mundiais. A empresa passou pelos processos de auditoria da norma ISO, que avaliou aspectos como gerenciamento de incidentes e problemas, gerenciamento de mudanças, configuração e nível de serviços.

Assim como as demais normas internacionais relacionadas à Gestão de Serviços de TI, a ISO 20000 contribui para que se estabeleça a credibilidade entre as empresas prestadoras de serviços e as que os contratam. Com a certificação, a Ativas poderá demonstrar aos clientes e investidores que opera com integridade e segurança, e que promove uma cultura de melhoria contínua da qualidade no âmbito da gestão.

De acordo com o CEO da Ativas, Alexandre Siffert, com a ISO 20000, a empresa conquistará ainda maior credibilidade e melhor posicionamento no mercado. “Conseguiremos comprovar que prezamos pela qualidade e que nossos serviços são sólidos e embasados nas melhores práticas”, destaca.

Ele ressalta ainda que o escopo auditado na Ativas para obtenção da certificação foi um dos maiores já auditados no Brasil. “Todos os serviços oferecidos para todos os clientes que ficam em nosso data center passaram pela auditoria. Isso demonstra que nos preocupamos com a qualidade de nossos serviços e que temos processos maduros”, explica.

A preparação para que a Ativas conquistasse a certificação teve início há aproximadamente um ano, tendo se intensificado nos últimos seis meses, e envolveu uma equipe de 12 pessoas focadas integralmente no projeto. A empresa passou por duas auditorias internas e uma pré-auditoria externa e contou com o apoio de consultores. “Isso permitiu que os gaps existentes fossem identificados e corrigidos, garantindo o sucesso na obtenção do certificado”, diz Siffert.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top