Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Estudos apontam queda nos gastos com TI nos EUA

Postado em: 13/10/2005, às 18:39 por Redação

O Gartner avalia que, até o próximo ano, os gastos com TI no mercado americano terão um crescimento de 5,5%, embora o mercado de trabalho em TI deva continuar estagnado. Os principais responsáveis por esse incremento, segundo o instituto de pesquisas, serão os pequenos e médios negócios.

As projeções do Gartner indicam também que as despesas relacionadas a segurança e storage, as duas estrelas que puxaram as vendas da indústria nos últimos dois anos, terão um crescimento mais lento no próximo ano, enquanto que os gastos com dispositivos móveis como o BlackBerry e Treo devem aumentar, assim como os investimentos em desenvolvimento de software e ferramentas de middleware, de acordo com os dados preliminares obtidos por meio de uma recente pesquisa feita com 1,5 mil gerentes de TI dos Estados Unidos.

?A despeito do crescimento dos gastos, a mensagem dos executivos foi clara: ?Vocês precisam continuar a melhorar a eficiência dos investimentos nas áreas de IT se quiserem ter um aumento substancial de caixa e contratar mais profissionais de TI?, disse Barbara Gomolski, vice-presidente de pesquisa do Gartner, como uma forma de recado dos entrevistados à indústria de TI. O panorama do Gartner 2006 ouviu durante a pesquisa um grupo de empresas de médio porte para detectar a intenção de gastos com TI.

Já a Forrester Research projeta que as despesas com TI nos Estados Unidos terão um crescimento de 7% neste e no próximo ano, mas com um forte desaceleração em 2007, quando deve ter um incremento de apenas 2%.

O estudo da IDC, por sua vez, já faz uma previsão um pouco diferente sobre os investimentos em IT no mercado americano nos próximos 12 meses, que começaram a ser contados a partir de setembro ? quando havia projetado um crescimento para o período de 6,1% ?, para apenas 2,9%. A reavaliação da IDC foi reflexo queda dos negócios em conseqüência do furacão Katrina e da possibilidade de elevação dos preços do petróleo.

O contraste da pesquisa do Gartner se deve ao fato de ter sido realizada entre junho e agosto, antes portanto dos efeitos danosos do Katrina. De acordo com o instituto, as pequenas e médias empresas, com menos de cem empregados, deverão aumentar seus gastos com TI em 7% no próximo ano, enquanto as grandes companhias, que têm entre 500 e 999 empregados, terão um incremento de apenas 2,4% em seus orçamentos de TI.

Segundo a pesquisa do Gartner, somente os setores de serviços e da indústria têm planos de dobrar o orçamento de IT, cuja expectativa é que haja um incremento 11%. As companhias de serviços financeiros, por seu lado, têm planos de um aumento modesto de 3,4%.

O Gartner diz que não faz projeções de longo prazo, ao contrário do Forrester que prevê uma redução no ritmo dos gastos com TI em 2007 e que continuará no ano seguinte. Segundo o instituto, somente em 2009 e 2010 é que começará a haver um retomada dos gastos, quando as empresas terão se absorvido e digerido as novas tecnologias de internet.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top