Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Lucro do UOL cai, mas receita com publicidade cresce

Postado em: 13/11/2009, às 16:49 por Redação

O portal e provedor de acesso à internet UOL encerrou o terceiro trimestre com lucro líquido de R$ 20,2 milhões, o que representa uma redução de 17% na comparação com o mesmo período de 2008. No acumulado dos nove primeiros meses do ano o lucro foi de R$ 80,8 milhões, aumento de 7% em relação a igual período do ano passado.
A receita líquida com serviços totalizou R$ 174,4 milhões no período e de R$ 499,5 milhões nos primeiros nove meses do ano, representando um crescimento de 21% e 18%, respectivamente, sobre os mesmos períodos do ano passado. O resultado foi impulsionado pelo crescimento da receita com publicidade e outras que totalizou R$ 112,7 milhões no terceiro trimestre e R$ 299,4 milhões no acumulado nos nove primeiros meses do ano, alta de 54% e 53%, respectivamente.
A geração de caixa medida pelo Ebitda (lucro antes juros, impostos, depreciações e amortizações) totalizou R$ 33,1 milhões, crescimento de 14% sobre o terceiro trimestre de 2008. A margem Ebitda atingiu 19% no período, um decréscimo de 1 ponto percentual na comparação com o mesmo período do ano passado. No acumulado dos nove primeiros meses do ano, o Ebitda totalizou R$ 109,6 milhões, crescimento de 10% em relação com o mesmo período de 2008, com margem Ebitda de 22%, uma queda de 1 ponto percentual na comparação anual.
De acordo com o informe de resultados, os principais fatores que contribuíram para o aumento do Ebitda no trimestre foram o crescimento das receitas como um todo e a redução dos custos de serviços prestados. A empresa também atribui o crescimento de 2% na base de assinantes pagantes, que atingiu 1,81 milhão em setembro de 2009, como decisivo para que essa linha de receitas não apresentasse diminuição, mesmo em um cenário de redução do tíquete médio. Do total da base, 1,31 milhão foi de assinantes pagantes de banda larga, representando um crescimento de 17% sobre a base de assinantes de setembro de 2008.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top