Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Websolute aposta em PMEs para crescer

Postado em: 14/05/2012, às 15:00 por Redação

A Websolute, empresa voltada para a oferta de acesso e serviços web para pequenas e médias empresas, está iniciando suas atividades já com um total de 600 mil usuários e cerca de 59 mil empresas cadastradas em sua lista de clientes de acesso ou hospedagem. A empresa é sucessora do provedor LinkBR, fundado em 2004, e que agora se posiciona com foco total em serviços web e aplicações de TI para o pequeno negócio. Em seu comando acionário, a Websolute conta com a participação do grupo controlador da BSA, provedor de soluções de outsourcing e serviços de data center de missão crítica.
Com seus 600 mil usuários iniciais, a Websolute já pode ser arrolada entre as 30 maiores provedoras web do País, e parte para uma ofensiva que visa posicioná-la entre as 15 maiores do segmento até o final de 2013. A redefinição do negócio original da LinkBR e a mudança de marca para Websolute aconteceu após um estudo encomendado junto à empresa de pesquisa Parallels, que ajudou a Websolute a compor um portfólio em grande parte sintonizado com demandas ainda não atendida
A nova estratégia se ancora na oferta massiva de serviços gratuitos para os usuários de banda larga, oferecendo benefícios para o usuário final e, principalmente, para as PMEs que queiram usar a Internet para a alavancagem de negócios.
O portfólio inclui a hospedagem de pequenos sites empresariais com mensalidades agressivas (a partir de R$ 19) e todos os serviços  adicionados, como o registro de domínio de terceiros e ferramentas de autosserviço de design, para  que o microempresário não precise contratar especialistas em TI para sua inclusão na Internet. Entre as ferramentas oferecidas, há uma solução para a montagem de sites que permite a criação, por pessoas leigas, de uma home corporativa navegável, com fotos, textos etc, em menos de uma hora.
A Websolute criou também um sistema “agite e use” para a implantação de serviços de e-commerce que viabiliza vendas online de forma rápida e acessível. Através de parcerias internacionais, a empresa provê aplicações para necessidades profissionais, como serviços de e-mail “business class”, com ferramentas colaborativas, email-archiving, anti-spam e mobilidade.
A Websolute também irá explorar o novo boom de serviços em computação em nuvem, por meio da oferta de itens como servidores virtuais, servidores dedicados e toda a sorte de serviços de data center para as PMEs.
Centenas de aplicativos de negócio, originalmente criados para grandes corporações, foram ainda escolhidos e adaptados para o novo tipo de cliente-alvo buscado pela Websolute. Entre eles estão ferramentas práticas para a implementação de CRM, linguagens de programação e design de código aberto, gerenciadores de conteúdo, controladores de estoque, ferramentas de apresentação e soluções de orçamento e proposta comercial dimensionados para empresas de todos os portes.
“Investimos especialmente no conceito de ferramentas ‘faça você mesmo’, para dar liberdade de ação e encorajar o pequeno varejo a fazer uso intensivo dos potenciais da TI e da Internet.”, afirma Luis Gustavo Schedel, diretor da Websolute.
Segundo ele, o filão de pequenos negócios já apresentava demanda reprimida em serviços web adequados a ele,  e começa a viver agora uma nova explosão, com o avanço do PNBL (Plano Nacional de Universalização da Banda Larga).  “Os movimentos do PNBL irão abrir janelas de oportunidade jamais vistas nos negócios ligados a acesso e serviços profissionais na web e nossa ambição é estar na frente destas oportunidades”, afirma Schedel.
Para levar adiante este plano de negócios, a Websolute celebrou uma cooperação com duas das maiores operadoras de banda larga do País, a Oi e a Vivo.
A estrutura operacional da empresa conta com uma equipe fixa de 50 colaboradores e inclui uma rede privativa com instalações distribuídas pelos três maiores data centers do Brasil e conexão direta com diversos PTTs (Pontos de Troca de Tráfego) garantindo a cobertura de todo o território nacional.
De acordo com Schedel, ao longo dos próximos meses, o provedor irá deflagrar inúmeras campanhas de adesão, visando a conversão de 40 mil micro e pequenas empresas como assinantes dos serviços de hospedagem, e-mail, computação em nuvem e aplicativos de negócio.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top