Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Sistema da Prefeitura de Santos integra atendimento social

Postado em: 15/08/2011, às 17:36 por Redação

Uma solução desenvolvida em GeneXus virou ferramenta governamental por integrar via internet informações disponíveis em diversas secretarias que atendem à população da prefeitura de Santos (SP). O Sistema Integrado de Atendimento Social (SIAS) unifica os dados sobre os atendimentos realizados nas Secretarias de Educação, Assistência Social, Saúde, Cultura e Esportes e funciona oficialmente desde novembro de 2010.
O SIAS foi desenvolvido em GeneXus pela empresa de TI Grupo Enter – fornecedor de produtos e serviços do segmento de Informática – e utilizou robôs para mapear na rede os atendimentos prestados às crianças da cidade e identificar as informações, que ficavam até então registradas em bancos de dados individuais em cada secretaria.
"Às vezes, uma pessoa estava em três diferentes bancos de dados, nem sempre bem organizados. Às vezes, esses dados estavam numa planilha", conta o chefe do Departamento de Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação da prefeitura (DETIC), Ronaldo Vieira Lima. "Com o sistema feito em GeneXus pudemos migrar tudo em uma base de dados única e sem perda e sem duplicidade", explica.
Ao fazer a integração, com a varredura e correção desses bancos de dados, foi alcançada a unificação das informações e criado um banco de dados centralizado. "O SIAS permite que todas as secretarias utilizem os mesmos dados básicos sobre as crianças, podendo acrescentar outros de sua especialidade", diz Lima.
O projeto desenvolvido em GeneXus é considerado até de relevância social, por seu impacto positivo na administração pública. "A busca do beneficiário é ágil e temos como provar os atendimentos em números, na solicitação de novos recursos", diz o gestor do SIAS, Antonio de Jesus Peres Neto. "Sabemos onde a criança é atendida, quais são suas necessidades e onde precisamos melhorar", acrescenta a gestora da Seduc, Cinthia Roberta Pinheiro.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top