Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

HP faz parceria com Leap Motion para levar controle gestual a seus PCs

Postado em: 16/04/2013, às 18:12 por Redação

A HP firmou parceria com a Leap Motion, fabricante americana de hardware e software, para desenvolver um atributo anunciado como "inédito" no mercado de computadores. A fabricante quer levar a tecnologia de controle gestual da Leap Motion para suas máquinas, a fim de oferecer novas propostas de interação homem-máquina, sem necessidade de toques no mouse ou no teclado. As empresas não forneceram detalhes financeiros ou os termos do acordo, apenas divulgaram a "colaboração para levar o recurso de controle por movimentos 3D a equipamentos da HP". Segundo o CEO da Leap Motion, Michael Buckwald, "as possibilidades de inovação são incríveis".

A tecnologia em si não é algo novo. O Kinect, console de games da Microsoft, foi um dos primeiros a trazer esse tipo de interação gestual homem-máquina, sendo usado inclusive para aplicações corporativas quando programado com software específico. Uma delas é o uso do equipamento para cirurgias remotas, por exemplo. A HP, contudo, precisa de inovação, e por isso o binômio "pesquisa e desenvolvimento" é repetidamente mencionado pela CEO, Meg Withman, como crucial para recuperação da companhia. O orçamento de P&D, inclusive, foi mantido apesar da situação financeira delicada da empresa — encerrou o ano fiscal de 2012 com prejuízo de US$ 13 bilhões, dos quais US$ 8 bilhões foram resultantes de impropriedades fiscais da Autonomy. Depois realizar cortes de empregados e a reestruturação executiva, a HP agora vai se concentrar no desenvolvimento de novas tecnologias para tentar retomar a lucratividade. Um exemplo disso é a linha de sevidores Moonshot, baseados na arquitetura e componentes usados em dispositivos móveis.

Além disso, o mercado de PCs também precisa de recuperação. Com a difícil concorrência dos tablets, as remessas de PCs sofreram uma queda maior que a esperada no primeiro trimestre deste ano, segundo a IDC. Na verdade, foi o quarto trimestre consecutivo de queda nos embarques de computadores, marcando a incerteza do mercado.

Tags: , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top