Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Parlamentares dos EUA questionam sobre suposta quebra de privacidade do Google Glass

Postado em: 17/05/2013, às 08:32 por Redação

Um grupo de oito congressistas norte-americanos enviou carta ao Google questionando sobre a suposta quebra de privacidade do Google Glass. Os óculos multimídia, lançado no ano passado, é uma das principais apostas do gigante das buscas na área de dispositivos eletrônicos. Com ele, o usuário pode obter direções, se conectar com pessoas, entre outras possibilidades, integrando o mundo real e o virtual, por meio da projeção de imagens.

A carta é direcionada ao CEO do Google, Larry Page, e contém uma série de questionamentos sobre os limites de atributos dos óculos. Entre eles estão o plano da empresa de utilizar tecnologias de reconhecimento facial, as medidas do Google para proteger pessoas ao redor dos usuários dos óculos e quais exatamente são as políticas de privacidade, entre outros. O texto ainda menciona infrações consideradas graves cometidas pela empresa, como a coleta de dados de redes sem fio pelos carros do Google Street View, feita deliberadamente com o consentimemto da empresa. A exemplo desse episódio, os parlamentares levantam a desconfiança de que outros aspectos da privacidade sejam violados com o novo aparelho.

O documento, conforme divulgado pelo All Things Digital, dá o prazo até 14 de junho para que o Google esclareça as questões. Procurado pelo site, a companhia não respondeu aos pedidos para comentar o assunto.

Vale lembrar que o Google disponibilizou na quinta-feira, 16, um novo pacote para desenvolvedores do Google Glass durante a conferência I/O, que acontece nesta semana em São Francisco, nos Estados Unidos.

Tags: , ,

0 Comentários

Os comentários estão fechados.



Top