Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Investimentos em tecnologia podem ter imposto reduzido, diz presidente do BNDES

Postado em: 17/10/2007, às 21:56 por Redação

As empresas que investirem em inovações tecnológicas podem ser beneficiadas com a desoneração de impostos, conforme revelou nesta quarta-feira (17/10) o presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho. Segundo ele, a instituição financeira e o Ministério da Fazenda estão articulando as medidas.

De acordo com Coutinho, o governo pretende montar uma estrutura tributária que estimule o investimento em projetos que resultem em aumento da produtividade nas empresas. Além disso, diz ele, o BNDES pretende ampliar o financiamento para o setor.

Nas áreas de software e farmacêutica, o banco estima que, em 2010, os financiamentos para o desenvolvimento de novas tecnologias chegarão a R$ 1 bilhão e R$ 3 bilhões, respectivamente. Atualmente, o BNDES financia 258 projetos de inovação, que somam, entre aprovações, contratações e desembolsos, R$ 1,764 bilhão.

Em seminário sobre inovação na sede do BNDES, no Rio de Janeiro, Coutinho ressaltou que a inovação será um dos pilares da segunda etapa da política industrial, em elaboração pelo governo. ?Daremos prioridade muito forte à inovação tecnológica em todos os grandes setores da economia brasileira?, ressaltou.

Coutinho declarou ainda que as pequenas empresas também entrarão nessa política. ?Também temos a preocupação em apoiar a pequena empresa inovadora?, destacou.

O presidente do BNDES afirmou ainda que o crescimento econômico requer um novo ciclo de invenções. ?A política industrial é um ponto importante da política macroeconômica porque, com a inovação, é possível contribuir para a estabilidade econômica tornando mais eficiente a oferta de produtos?, finalizou Coutinho.

Com informações da Agência Brasil.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top