Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Executivos de empresas de TI serão ouvidos por CPI distrital

Postado em: 18/01/2010, às 12:58 por Redação

Os donos e diretores das 25 empresas citadas na Operação Caixa de Pandora, da Polícia Federal, inquérito que investiga o suposto esquema de pagamento de propina no Distrito Federal, e o grupo empresarial do vice-governador Paulo Octávio (DEM) deverão ser ouvidos pelos deputados distritais. Entre as empresas citadas no escândalo, algumas são do setor de informática.
Por unanimidade, os cinco membros da comissão parlamentar de inquérito (CPI) da Codeplan decidiram convocar os empresários, além do ex-secretário de Relações Institucionais do Distrito Federal, Durval Barbosa, que acusa mais de 30 pessoas e várias empresas de participarem do esquema de desvio e distribuição de recursos públicos à base aliada do governador José Roberto Arruda (sem partido).
O requerimento, de autoria do relator da CPI, Raimundo Ribeiro (PSDB), prevê a convocação dos proprietários, sócios e diretores das empresas. Entre as companhias de TI estão a CTIS, Info Educacional, Linkdata, Linknet, Adler, Vertax, Tecnolink, Politec, Prodata e a TBA Holding, com suas subsidiárias B2BR, True Acess e Business e outras. As datas para os depoimentos ainda não foram marcadas.
De acordo com relatos de Durval Barbosa à Polícia Federal, parte da propina paga aos aliados políticos era proveniente das empresas que prestavam serviços ao governo do Distrito Federal. As informações são da Agência Brasil.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top