Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Maioria dos CIOS se sente ignorada pelas áreas de negócios em relação às decisões de TI

Postado em: 18/11/2015, às 17:47 por Redação

Praticamente todos os líderes de tecnologia (90%) são, ao menos eventualmente, ignorados pelos usuários em relação às decisões de tecnologia, estando sob forte pressão da chamada shadow IT, também conhecida como "TI Invisível" — prática cada vez mais adotada por departamentos das empresas, que se resume em comprar soluções de TI com seus próprios orçamentos. É o que indica estudo global realizado pelo grupo Logicalis, fornecedor de soluções de TI e serviços gerenciados, com mais de 400 CIOs ao redor do mundo.

Segundo a pesquisa, quase um terço (31%) dos CIOs são frequentemente ignorados quando se trata de tomar decisões relacionadas a compras de TI, e apenas dois terços (66%) desses executivos detêm o poder em relação aos investimentos de tecnologia.

Por outro lado, as áreas de negócios vêm ganhando relevância nas decisões da TI, o que vem exigindo dos CIOs um movimento para alinhar estratégias de modo a melhor atender às necessidades dessas áreas. Além disso, um número crescente deles (42%) está adotando novos modelos de fornecimento interno de serviços, numa tentativa de se manterem relevantes para os usuários.

Transformação da TI

O estudo da Logicalis também sugere que os líderes de TI estão buscando formas de retomar o controle da TI — não ao eliminar a shadow IT, mas abrançando-a. Os CIOs estão buscando transformar o departamento de TI em um fornecedor interno de serviços – organizações mais enxutas gerenciando portfólio de serviços, não tecnologia, e capazes de responder rapidamente às demandas das áreas do negócio.

Com a mudança, os CIOs estão se libertando das tarefas operacionais diárias, com 38% deles gastando, pelo menos, 50% do tempo em atividades estratégicas. Expressivamente, CIOs de todo o mundo estão gastando quase metade do tempo (42%) em atividades consistentes com o desenvolvimento e a entrega do modelo de fornecimento interno de serviços — "engajamento com áreas de negócios" e "definição e fornecimento de novos serviços de TI".

O aumento no foco do fornecimento de serviços também se reflete nas respostas dos CIOs sobre o equilíbrio das atividades do departamento de TI, que sugere um equilíbrio 50/50 entre gestão de tecnologia e entrega de um portfólio de serviços. De fato, cerca de metade dos CIOs entrevistados (47%) relatou que ao menos 30% da TI vem de fornecedores externos.

"Está claro que CIOs estão buscando formas de retomar o controle ao se estabelecerem como 'fornecedores internos de serviços' capazes de entregar as escolhas de serviços necessárias pela organização – sejam esses serviços internamente desenvolvidos e operados, terceirizados para parceiros ou consumidos da nuvem", afirma Mark Rogers, CEO do grupo Logicalis.

Tags: , , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top