Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Camara-e.net e Procomex se unem para modernizar aduana

Postado em: 21/03/2006, às 18:06 por Redação

O Procomex (Aliança Pro-Modernização Logística do Comércio Exterior) ganhou um parceiro de peso no esforço de modernizar o sistema aduaneiro do Brasil. É que o diretor-executivo da Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (Camara-e.net), Cid Torquato, foi eleito para o conselho administrativo daquela entidade.

Criada há dois anos, a Procomex reúne 60 instituições empresariais dos principais segmentos do comércio exterior. O seu principal objetivo é fazer o sistema aduaneiro brasileiro uma referência no Mercosul e um agente estimulador das atividades empresariais.

A Camara-e.net é considerada um parceiro ideal nessa empreitada. Uma das principais entidades da chamada economia digital, ela será um importante difusor do uso da tecnologia da informação como ferramental estratégico para a Procomex atingir os seus objetivos. ?A participação da Camara-e.net é muito importante, tendo em vista que a digitalização dos processos governamentais e empresariais é fator fundamento para a modernização do setor no país?, afirmou o coordenador executivo do Procomex, John Edwin Mein.

A aproximação com a Camara-e.net é oportuna face as últimas medidas que estão sendo adotadas na área pública para estimular o uso da certificação digital. A mais recente delas foi a aprovação da Lei 11.280/06, que promoveu mudanças no Código de Processo Civil, determinando que os atos processuais por meios eletrônicos, no âmbito do Poder Judiciário, atendam os requisitos de autenticidade, integridade, validade jurídica e interoperabilidade da ICP-Brasil.

?Acreditamos ser importante a adoção dos sistemas tecnológicos e segurança mais avançados, estimulando o uso da certificação digital, como forma de garantir a identificação inequívoca das partes e a própria validade das transações e operações realizadas eletronicamente?, comentou Cid Torquato.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top