Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Pesquisa atribui sucesso do e-commerce a perfil do brasileiro

Postado em: 21/06/2007, às 23:15 por Redação

O brasileiro gastou R$ 13,3 bilhões com compras pela internet no ano passado. Para este ano, a expectativa é que o montante atinja R$ 17,4 bilhões. Os números, detectados por meio de um levantamento da Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (Câmara-e.net), são usados pela empresa de pesquisas eMarketer para comprovar aos varejistas brasileiros o sucesso do comércio eletrônico no país.

Segundo o estudo, boa parte desse sucesso se deve à sociabilidade da população e ao fato de que o brasileiro ? assim como o nigeriano, indiano e russo ? confia mais na internet do que nos governantes. A pesquisa Globescan, por exemplo, feita em maio do ano passado, mostrou que no Brasil 45% da população confia muito nos veículos de mídia, ao passo que 30% têm a mesma opinião sobre os governantes.

"Como em todo lugar, a questão da confiança na internet está altamente ligada ao sucesso ou fracasso da estratégia de comércio eletrônico", afirma estudo da eMarketer. De acordo com o documento, essa questão é ainda mais crítica no Brasil por uma característica peculiar da sociedade, que é baseada na idéia de que "a posição social é resultado direto dos amigos que se tenha".

"Alguns analistas chegam a dizer que o brasileiro não concebe um relacionamento que não esteja baseado na amizade", segundo o documento. Ainda que isso possa ser visto como algo antiquado é, na verdade, tão recente quanto a internet?, alerta.

Dados do e-bit também apontados no estudo mostram que o número de brasileiros que compram na internet deve saltar de 7 milhões em 2006 para 9,8 milhões este ano, um aumento de 40%.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top