Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Cofundador da Autonomy rebate acusações da HP

Postado em: 21/11/2012, às 09:43 por Redação

O cofundador e ex-CEO Mike Lynch da Autonomy, desenvolvedora britânica de software adquirida pela HP por US$ 10,2 bilhões, no ano passado, rebateu as acusações de que teria ocultado dados financeiros antes de ser comprada, o que causou um prejuízo de US$ 5 bilhões à fabricante americana. "Há uma parte da gestão da HP que gostaria de culpar os outros por falhas. Eles deveriam olhar para si mesmos", declarou Lynch ao jornal britânico Financial Times. Sobre as acusações de não ter revelado dados financeiros, ele disse que foi completamente aberto com os analistas. "A Autonomy realizava conferências com analistas todos os trimestres."

A HP divulgou na terça-feira, 20, um prejuízo de US$ 13 bilhões no ano fiscal de 2012, encerrado em 31 de outubro, e perda de US$ 6,8 bilhões no quarto trimestre. Durante a divulgação dos resultados financeiros, a CEO da HP, Meg Whitman, afirmou que a perda registrada no quarto trimestre fiscal é consequência de um prejuízo fiscal de US$ 8 bilhões, incluindo o valor citado decorrido de graves impropriedades contábeis da Autonomy.

Apenas oito meses após a finalização da compra, Lynch foi demitido por Whitman, em razão das vendas decepcionantes da Autonomy. Parte da equipe da desenvolvedora britânica deixou a HP no mesmo período, e Lynch queixou-se da cultura corporativa sufocante na companhia americana, declarando ter sido esse o real motivo dos maus resultados.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top