Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Balanço preliminar da Alcatel-Lucent aponta queda no lucro em 2006

Postado em: 23/01/2007, às 20:26 por Redação

Os resultados preliminares divulgados nesta terça-feira (23/1) pela Alcatel-Lucent referentes ao quarto trimestre e para o ano 2006 ficaram abaixo das estimativas dos analistas, o que fez com que as ações da companhia encerrassem o pregão do dia na Bolsa de Paris em queda de 8,49%, cotadas a 10,02 euros. A empresa anunciou que a expectativa é de que as receitas do quarto trimestre sejam de aproximadamente 3,87 bilhões de euros e o lucro operacional seja de cerca de 120 milhões de euros, já incluindo o impacto das compras realizadas, que giram em torno 230 milhões de euros.

Para o ano de 2006, a expectativa de receitas é de aproximadamente 12,3 bilhões de euros e lucro operacional de cerca de 710 milhões de euros. A fabricante franco-americana informou que espera faturamento ?pro forma? de 18,3 bilhões de euros no quarto trimestre, contra 18,63 bilhões de euros no mesmo período de 2005. Já o lucro operacional deve ficar no patamar de 1,04 bilhão de euros, frente a 1,41 bilhão de euros em 2005.

Os números oficiais da Alcatel-Lucent serão apresentados em 9 de fevereiro. A companhia comunicou que o resultado do quarto trimestre a ser divulgado incluirá as operações da Alcatel sozinha nos meses de outubro e novembro de 2006 e as operações combinadas das duas empresas em dezembro de 2006. Os negócios a serem transferidos para a Thales serão apresentados como atividades descontinuadas.

O resultado para todo o ano de 2006 incluirá as operações da Alcatel sozinha de janeiro a novembro de 2006 e as operações combinadas da Alcatel-Lucent em dezembro de 2006. Os negócios da divisão de satélites a serem transferidos para a Thales , que tem participação acionária da Alcatel e do governo francês, serão apresentados como atividades descontinuadas.

De acordo com Patricia Russo, CEO da Alcatel-Lucent, nos últimos meses de 2006, o processo de fusão e transferência de algumas operações para a Thales criaram uma incerteza de curto prazo para nossos clientes e funcionários, e essa incerteza, juntamente com o trabalho necessário para finalizar a fusão, teve impacto significativo no negócio. ?Além disso, o último trimestre do ano provou ser desafiador sob uma perspectiva de mercado, guiado pela mudança nas despesas de alguns de nossos maiores clientes norte-americanos, bem como pela alta competição no mercado global de redes sem fio.?

A executiva diz ainda que, de forma geral, os resultados pro forma ajustados de 2006 foram impactados também por um fraco desempenho no último trimestre, resultando num montante acumulado em todo o ano de 2006 bastante similar à receita obtida no ano de 2005. Ma ela avalia, contudo, que no início do primeiro ano como Alcatel-Lucent esses movimentos estratégicos podem beneficiar a companhia e contribuir para que atinja todo o seu potencial.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top