Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Airbnb levanta US$ 100 milhões em nova rodada de investimentos

Postado em: 23/11/2015, às 17:38 por Redação

O Airbnb levantou mais de US$ 100 milhões em uma nova rodada de investimentos. O aporte ocorre pouco mais de cinco meses após o site de aluguel de casas e apartamentos ter levantado US$ 1,5 bilhões em uma rodada liderada pelos fundos de private equity General Atlantic e Hillhouse Capital Group of China e a empresa de investimentos Tiger Global Management, elevando seu valor de mercado para US$ 25,5 bilhões.

A aposta de fundos de investimento de risco, segundo alguns analistas, se deve ao fato de o Airbnb vir apresentando um crescimento sólido. De acordo com seu último informe de resultados financeiros, relativo ao terceiro trimestre, a receita da companhia no período foi de US$ 340 milhões, e reversas feitas com antecedência equivalentes a US$ 2,2 bilhões, segundo uma apresentação para investidores analisada pelo The Wall Street Journal. Ambos os valores praticamente duplicaram em relação ao ano anterior. O número de reservas no site do Airbnb foi de 23,8 milhões no terceiro trimestre, contra 11,3 milhões um ano antes.

A apresentação indica que a receita do Airbnb está acima do planejado, com indicação de que a receita total neste ano deve atingir US$ 900 milhões, na comparação com os US$ 825 milhões que a empresa havia projetado durante a rodada de investimentos concluída em julho.

As rodadas de financiamentos de empresas altamente valorizadas esfriaram nas últimas semanas, em razão da desaceleração das ofertas públicas iniciais de ações (IPOs, na sigla em inglês). O desafio do Airbnb para atrair investidores é principalmente o alto preço das ações, e não as perspectivas de negócios, de acordo com dois investidores ouvidos pelo jornal americano. Na opinião deles, ainda vai levar alguns anos para que o Airbnb cresça a um ponto que justifique sua valorização atual.

A receita do site é gerada pela retenção de 3% de cada reserva, juntamente com a cobrança de uma taxa de 6% de serviços e 12% dos hóspedes. Com base nos números do terceiro trimestre, a empresa parece estar cobrando uma taxa máxima dos hóspedes, com receita de cerca de 15% das reservas.

O Airbnb encerrou o terceiro trimestre com mais de 1,7 milhão de anúncios totais, disse a empresa. O número era de cerca de 1,4 milhão no final de maio, de acordo com a YipitData, empresa de pesquisa que rastreia dados da web para investidores institucionais.

Tags: , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top