Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Microsoft estende licença de patentes e fecha acordo com ZTE

Postado em: 25/04/2013, às 09:00 por Redação

A Microsoft firmou um acordo de patentes com a  ZTE, fabricante chinesa de equipamentos de telecomunicações e dispositivos móveis. O anúncio segue os termos do licenciamento de tecnologia feito com a chinesa Hon Hai Indústria de Precisão, divisão da Foxconn International Holdings (FIH) responsável pela montagem de eletrônicos, divulgado na semana passada. O acerto envolve todo o portfólio de produtos que utilizam os sistemas operacionais Android e Chrome, ambos do Google.

Em comunicado divulgado por Horacio Gutierrez, vice-presidente corporativo e conselheiro geral de propriedade intelectual da Microsoft, a companhia diz que o acordo com a ZTE, assim como o com a Foxconn, engloba concessão de licenças do portfólio de patentes mundiais da Microsoft para celulares, tablets e outros dispositivos da ZTE que operem com o Android ou Chrome. "Os acordos com a ZTE e a Foxconn mostram mais uma vez que as empresas de tecnologia de todo o mundo, incluindo alguns fabricantes com sede na China, reconhecem o licenciamento como uma maneira eficaz de compartilhar tecnologia e construir um trabalho mútuo, acelerando o ritmo da inovação e agradando os clientes", declarou Gutierrez.

O executivo reitera que grande parte dos atuais litígios na chamada "guerra de patentes de smartphones" poderiam ser evitados se companhias estivessem dispostas a reconhecer o valor da criação de rivais de maneira justa. "Na Microsoft, a experiência nos ensinou que o respeito pelos direitos de propriedade intelectual é uma via de mão dupla, e temos nos preparado para respeitar os direitos dos outros, assim como buscamos o respeito pelos nossos direitos."

Gutierrez afirma ainda que a companhia pagou mais de US$ 4 bilhões em licenciamento ao longo da última década para garantir direitos de propriedade intelectual para seus produtos.

Tags: , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top