Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Feira terá debate com âncoras da CNN, Band e Globo

Postado em: 25/07/2005, às 20:42 por Redação

Acontece no dia 4 de agosto, às 11h, durante a ABTA 2005, um debate aberto ao público sobre temas atuais do jornalismo televisivo. Participam os âncoras da CNN International Michael Holmes; da TV Globo William Waack; e da Bandeirantes, Carlos Nascimento.
O tema central do debate será o cenário do jornalismo de TV nos dias de hoje, abordando a ética na cobertura de crises (guerra e política), segurança dos jornalistas, proteção de fontes e a concorrência da TV com outras mídias eletrônicas, especialmente a Internet e o celular.

Experiência

Michael Holmes é o primeiro âncora australiano da CNN e trabalha para a rede desde 1996. Atualmente, apresenta o noticiário ?Your World Today?. Durante a guerra no Iraque, Holmes foi um dos principais âncoras da emissora a cobrir diferentes aspectos da guerra na Cidade do Kuwait e, depois da queda do regime de Saddam Hussein, também em Bagdá. Em janeiro de 2004, o jornalista sobreviveu a uma emboscada contra um comboio de dois veículos da CNN que matou duas pessoas da equipe e deixou uma ferida. Em abril de 2002, conseguiu uma entrevista exclusiva com o líder palestino Yasser Arafat, dentro do seu bunker em Ramallah. Carlos Nascimento, editor-chefe e apresentador do Jornal da Band, iniciou suas atividades na televisão em 1977, na TV Globo, onde ficou até 1987 e foi repórter, editor, apresentador e correspondente internacional. Atuou na TV Cultura e na TV Record e retornou à Globo em 1990, tendo trabalhado até 2004 quando transferiu-se para o Grupo Bandeirantes de Comunicação. Ganhou o prêmio Wladimir Herzog, do Sindicato dos Jornalistas do Estado de São Paulo, como repórter, em 1980 e 1981. Recebeu o prêmio APCA, da Associação Paulista dos Críticos de Arte, em 1988 pelo melhor telejornal (Jornal da Cultura), em 1989 também pelo melhor telejornal (Jornal da Record) e em 1993 como melhor apresentador. Em 2003 ganhou o prêmio Comunique-se ao ser escolhido por quarenta mil jornalistas como o melhor apresentador da tevê brasileira.
William Waack atuou como correspondente internacional durante 21 anos, em países com a Alemanha, Grã Bretanha, Rússia, Oriente Médio e Estados Unidos. Cobriu alguns dos principais acontecimentos mundiais nas últimas décadas: a Guerra Fria, a Revolução no Irã, a Queda do Muro de Berlim, a desintegração da União Soviética e o fim do comunismo na Europa, as ondas de terrorismo européias, o papado de João Paulo II, diversas crises do endividamento externo do Brasil e países latino-americanos. Desde 1996 faz parte da equipe de jornalismo da Rede Globo e atualmente ancora o Jornal da Globo ao lado de Christiane Pelajo. O jornalista apresenta também o Globo News Especial, no canal de jornalismo de TV paga. Waack já venceu duas vezes o principal prêmio brasileiro de jornalismo, o Esso, pela cobertura da Guerra do Golfo (1991) e pelas revelações sobre os arquivos secretos de Moscou (1993).
A ABTA acontece de 2 a 4 de agosto no ITM Expo, em São Paulo. As inscrições para o debate entre jornalistas são gratuitas e poderão ser feitas previamente através do site www.abta2005.com.br , na seção ?Credenciamento Visitante?.

Tags: , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top