Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Uptiva nasce com objetivo de ampliar atuação no mercado SAP

Postado em: 26/10/2009, às 20:45 por Redação

Com uma equipe de 150 consultores foi criada a Uptiva, união dos grupos Westbr e Technolog, e uma carteira de clientes como Brasken, Banco Itaú, Claro, Visanet, Unimed, Pepsico, Gerdau, UOL, dentre outras, e o objetivo de faturar este ano cerca de R$ 18 milhões. Segundo seu presidente, Bernardino Gonçalves da Costa Neto, "para o ano que vem, quando o grupo estiver totalmente consolidado, nosso faturamento deve crescer em torno de 20%".
Além dos produtos e serviços já prestados, a empresa passa a incorporar a prática de consultoria em gerenciamento de projetos e investir no ambiente SAP (Netweaver – Portal – BI).
A Westbr iniciou suas atividades em 2000, com desenvolvimento de aplicações Web thin client com especialização em ambiente Oracle; desenvolveu e implantou sistemas de missão crítica para grandes corporações. Em 2003 expandiu sua atuação em soluções Microsoft Dot Net. Além disso, desenvolveu uma metodologia diferenciada de desenvolvimento de sistemas e de gerenciamento de projetos, o que solidificou sua capacidade de elaboração e entrega. E 2004, incorporou em seu portfólio serviços de mapeamento e modelagem de processos. A partir de 2008, deu início ao desenvolvimento de projetos com as plataformas Java e SAP Netweaver.
Já a Technolog começou em 2000, em Santos, onde criou o produto de Gestão Portuária e Recintos Alfandegados para atender demandas de empresas de logística. Segundo a empresa, a solução permitiu redução de até 20% nos custos dos terminais do porto de Santos (o software permitiu medir o desempenho da operação no pátio de contêiner e realizar um menor número de movimentos).
Em seguida, a empresa passou a prestar serviços para o Banco Itaú e, na prestação de serviços ambiente SAP, e também começou a operar para grandes empresas no segmento industrial.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top