Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Yahoo decide continuar negociações sobre venda de ativos asiáticos

Postado em: 27/12/2011, às 10:23 por Redação

O quadro de conselheiros do Yahoo decidiu continuar as negociações sobre a venda dos ativos asiáticos da empresa, de maneira que possa concentar o foco nas operações de internet nos Estados Unidos. As informações são de pessoas ligadas ao assunto ouvidas pelo The Wall Street Journal. A oferta recebida pelo Yahoo envolve a venda de 40% da participação acionária da empresa no grupo chinês Alibaba, além da exigência que se desfaça de 35% de sua propriedade no Yahoo Japão. Dessa forma, o valor da transação para os ativos asiáticos ficaria entre US$ 17 bilhões e US$ 18 bilhões, sendo que o Yahoo ainda manteria 15% de participação no grupo chinês.

Segundo as fontes, o conselho de administração do Yahoo não considerou outras propostas, como a venda de uma parte minoritária para fundos de investimentos em empresas (private equity). Mas admite que opções alternativas ainda serão estudadas.

O grande trunfo do Yahoo é o alto valor de seus ativos asiáticos. A participação da empresa no Alibaba foi adquirida por US$ 1 bilhão em 2005, mas avaliada em US$ 13 bilhões em setembro. Segundo as fontes, o fundo japonês Softbank, que já possui participação no Yahoo Japão, seria proprietário de toda a subsidiária no país. A participação do Yahoo no Yahoo Japão hoje é avaliada em cerca de US$ 6 bilhões.

A transação entre o Yahoo e o Alibaba não é enquadrada como venda pela lei americana. Assim, o Yahoo ficaria livre de taxas e o Alibaba criaria uma subsidiária para investimentos de vulto. O valor total da parte do grupo chinês seria superior a US$ 12 bilhões. O negócio permitiria ao Yahoo retornar uma parte de dinheiro em caixa para os acionistas, a fim de acalmar os ânimos por melhor performance da empresa. Além disso, permitiria ao Yahoo melhorar desempenho do negócio de publicidade no mercado americano. Nos últimos meses, a empresa avaliou diversas propostas, inclusive a venda total da empresa. Gigantes da internet, como o Google e Microsoft, estariam entre os interessados.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top