Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

SP lança plano tecnológico para a Educação que inclui wi-fi nas 5 mil escolas estaduais

Postado em: 28/09/2017, às 19:20 por Redação

Todas as 5 mil escolas da rede estadual de ensino de São Paulo serão equipadas com sistema wi-fi e banda larga. A inicitaiva foi anunciada pelo governador Geraldo Alckmin e pelo secretário da Educação do Estado, José Renato Nalini, nesta quinta-feira, 28, durante evento na E.E. Victor Oliva, na zona oeste da capital. A medida faz parte de um novo plano de tecnologia proposto pela pasta e inclui a doação de 91 mil computadores às escolas, a aquisição de 16.000 notebooks e mudanças no programa Acessa Escola, atendendo a mais de 3,7 milhões de alunos dos Ensinos Fundamental e Médio.

"Tecnologia é o que atrai os nossos jovens hoje. Além de ter os computadores nas salas de informática, as escolas, 400 inicialmente, terão um carrinho com 40 notebooks, que poderão ser usados nas salas de aula, com wi-fi. É uma nova estratégia de uso da tecnologia para o ensino", afirmou o governador Geraldo Alckmin.

A instalação da internet sem fio terá início nas salas de informática e dos professores. Todas as escolas receberão a novidade até outubro de 2018. A expectativa é a instalação em até 500 escolas por mês. As unidades que participam do Escola da Família poderão abrir a conexão para a comunidade aos finais de semana, em áreas indicadas por cada equipe gestora.

O sinal também estará mais rápido. Dois links vão abastecer as escolas: Intragov (do governo estadual e já existente) e Telefônica. O reforço garante a conexão permanente e a possibilidade de distribuir o sinal entre atividades pedagógicas e administrativas. Além disso, a velocidade será ampliada. O monitoramento e filtro de conteúdo acessado pelos estudantes serão mantidos.

Doação e laboratórios de inovação

Os equipamentos doados fazem parte de um contrato de outsourcing firmado com o Consórcio Proeducar. Com o fim do convênio, agendado para outubro, a Secretaria acertou a cessão dos aparelhos às escolas, o que representará uma economia anual de R$ 140 milhões ao poder público. Caberá à Secretaria, por sua vez, fazer a manutenção periódica e garantir o uso. Estes computadores foram averiguados pela Secretaria, via Fundação para o Desenvolvimento da Educação (FDE), que confirmou a vida útil deles por pelo menos mais dois anos. Com a reserva, será possível investir na modernização gradual, tornando a rede estadual mais atraente na aplicação do conteúdo pedagógico.

A primeira modernização será a aquisição de kits de notebooks para 400 escolas (40 para cada), totalizando 16.000 máquinas. A ideia é que esses computadores sejam utilizados em sala de aula por professores e alunos, em atividades como provas, pesquisa e apresentação de trabalhos. Assim, o uso de computadores deixará de ficar restrito à Sala de Informática para se tornar possível também em outros ambientes.

Acessa Escola

As salas do Acessa Escola também passarão por mudanças. Desde 2008, o programa permitiu a inclusão digital de alunos, professores e equipe gestora. Com a evolução da inovação no mundo, o uso das salas precisa ser modernizado. O novo projeto é transformá-las em laboratórios de inovação: ou seja, em espaços de aprendizado de novas tecnologias.

Com a ajuda de professores e dos novos recursos, a proposta é que os estudantes entrem em contato com a linguagem, as áreas de atuação e, principalmente, tenham as primeiras experiências.

Tags: , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top