Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Veeam enfatiza importância da disponibilidade do data center para estratégia de negócios

Postado em: 28/10/2015, às 18:19 por Fabiana Rolfini, de Las Vegas, EUA*

A Veeam Software, fornecedora de soluções de proteção de dados em ambientes virtualizados, enfatizou durante a 2ª edição do VeeamOn15, evento anual que reúne clientes e parceiros de negócio da empresa e acontece esta semana em Las Vegas, nos EUA, a importância das empresas se comprometerem com o conceito de "disponibilidade" de data center, o qual tem guiado a estratégia da companhia nos últimos anos. "Neste mundo competitivo, inovação é a chave para as empresas sobreviverem", salientou o CEO da Veeam, Ratmir Timashev, durante apresentação na abertura do evento.

Em seus nove anos de existência, a Veeam tem acompanhando a evolução do mercado de TI, bem como as mudanças nas estratégias de negócios das empresas, para ampliar seu portfólio e auxiliar os clientes na busca da disponibilidade. "Não falamos mais sobre recuperação de dados de forma técnica, e sim sobre como desenhar uma estratégia para estar sempre disponível (always-on enterprise), o que pode ser traduzido por qual tecnologia eu preciso para atingir as metas de negócio", afirmou Luca Dell'Oca, evangelista da Veeam para a região EMEA, que compreende Europa, Oriente Médio e África.

O discurso do executivo está estritamente alinhado aos resultados apresentados no Relatório de Disponibilidade de Data Center de 2014, elaborado pela Veeam com base em entrevistas com CIOs de grandes empresas de 15 países, incluindo o Brasil. De acordo com o estudo, o maior problema enfrentado hoje pelos executivos é o de não ter a tecnologia correta para atingir os objetivos de negócio.

A pesquisa evidencia a existência de uma lacuna entre o que o negócio requer do departamento de TI e o que este tem para oferecer. Nesse sentido, 82% dos CIOs admitiram que seu departamento de TI não atende a esta demanda de disponibilidade, sendo que no Brasil, esta porcentagem chegou a 85%.

"No passado, o backup era como se fosse uma apólice de seguro, ninguém queria usar. Você tinha, mas ninguém queria usar. Então quando falamos do conceito de disponibilidade, ele começa a fazer parte de uma estratégia de negócio", acrescentou Ricardo Apud, diretor da Veeam Software no Brasil, salientando, ainda com base no relatório, que os custos com a perda de dados podem chegar a US$ 2 milhões em um ano.

Lançamentos

Durante o evento, a Veeam também anunciou novas soluções para que as organizações protejam seus dados e estejam sempre disponíveis, as quais estarão disponíveis ao mercado  no primeiro trimestre de 2016. Dentre elas está o Veeam Backup for Linux, solução gratuita que oferece backup e recuperação para servidores Linux em execução na nuvem pública, bem como servidores físicos rodando Linux on-premise.

"Backup e recuperação de servidores Linux é muitas vezes um processo complicado e caro, o que requer frequente intervenção manual, consumindo muito do tempo de um administrador de TI", disse Doug Hazelman, vice-presidente de Estratégia de Produtos da Veeam. "Além disso, na medida em que a nuvem híbrida torna-se cada vez mais o padrão da indústria e mais empresas olham para executar mais cargas de trabalho na nuvem pública, é importante garantir as instâncias do servidor de nuvem pública sejam apoiadas e possam ser recuperadas com facilidade e rapidez, a fim de assegurar a disponibilidade e evitar a interrupção dos negócios", concluiu.

Outro lançamento apresentado, o Veeam Managed Backup Portal for Service Providers, é a aposta da companhia em permitir aos parceiros de negócios lançar novos serviços e acelerar as oportunidades de receita com a nuvem. Disponível através do Microsoft Azure Marketplace, a ferramenta agiliza a entrega de serviços de backup para provedores de serviços, fornecendo monitoramento remoto e gerenciamento de backups de clientes através de um portal.

Projeções

Depois de encerrar 2014 com receita de US$ 385 milhões, a Veeam estima finalizar este ano com faturamento de US$ 500 milhões e, em 2018, tornar-se uma empresa de US$ 1 bilhão. No terceiro trimestre deste ano, a companhia viu sua receita aumentar 17%, as transações na nuvem expandirem 73%, e os pedidos de clientes corporativos crescerem 23%.

Por ser uma companhia de capital fechado, a Veeam não divulga a estimativa de faturamento para o Brasil, o qual foi o último mercado no qual ingressou, em 2012, junto com o México. No entanto, Apud indica que, mesmo com o atual momento econômico enfrentado pelo país, as projeções são otimistas. "Nosso desempenho no Brasil este ano indica que vamos dobrar o crescimento em relação a 2014, mantendo o ritmo de expansão apresentado desde 2012", declarou o executivo, acrescentando que espera saltar o número de 700 clientes atuais para 1 mil, até o fim do ano.

* A jornalista viajou a Las Vegas a convite da empresa.

Tags: , , , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top