Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

People Center: empresa lança novo conceito para continuidade de negócios

Postado em: 29/09/2005, às 19:16 por Redação

Foi anunciado nesta quinta-feira, 29/9, em São Paulo, o Sion People Center, um novo conceito de serviço de contingência, conhecido no exterior como ?alternate site?, local com condições de infra-estrutura, acesso e localização física, alta disponibilidade de energia ,climatização e operação ininterrupta, para atender empresas em situação imprevistas e de desastres de toda natureza.

Segundo explicou Fabrício Martins, vice-presidente de tecnologia e segurança da empresa, foram investidos R$ 5 milhões para montar a estrutura inicial, com de mil metros quadrados, 452 PAs (posições de atendimento) da Wyse, thin client; call center Avaya, servidores Dell, token para acesso físico aos ambientes de trabalho de clientes, e todos os itens normais de contingência.

Ela tem uma equipe de 40 pessoas trabalhando 24 horas, 15 especialistas para suporte e 4 na gerência. Está previsto mais R$ 10 milhões do Fundo Doupar, controladores privados do empreendimento.

Martins esclarece que não se trata de concorrer com data centers ou operadoras de telecom, que são seus parceiros de negócio, mas sim permitir que em ocasiões criticas o cliente possa ter um local pré-configurado para atender qualquer emergência, e ao mesmo tempo cumprir as normas exigidas por diversas regulamentações de contingência como Sarbanes Oxley, Banco Central, Itil, Coso, Cobit, ABNT, etc.

O mercado da Sion People Center pode ir desde um executivo que demandará uma sala única para atender determinadas necessidades, até um call center que precisa de grande quantidade de posições para resolver uma demanda de poucos dias.

?Não se trata de aluguel de escritório, mas sim de um local eventual com todas as características técnicas de um ambiente de contingência, pois apesar do cliente ter um contrato mensal ( que varia de R$ 800,00 a R$ 900,00 mês por PAs) quanto mais tempo contínuo ele usar, mais caro será o desembolso?, explicou.

A empresa espera conseguir uma expansão rápida , a exemplo da empresa Classic Blue, de Sidnei, na Austrália, que em pouco mais de um ano expandiu para as demais cidades daqueles pais , para a Europa chegando agora ao Canadá.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top