Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Empresas anunciam fusão para disputar mercado de segurança

Postado em: 30/07/2007, às 18:58 por Redação

Com o objetivo de disputar o crescente mercado de segurança de informações, as empresas Tempest Technologies e Open Communications Security anunciaram nesta segunda-feira (30/7) a fusão de suas operações e investimento do fundo de venture capital Inbeana, que irá liderar as novas iniciativas de negócios, baseadas em consultoria, desenvolvimento de software para proteção de transações eletrônicas e serviços gerenciados de segurança. A nova empresa foi batizada como Tempest Security Intelligence.

A soma da receitas de ambas as empresas está por volta de R$ 10 milhões e deverá crescer 30% ao ano, segundo explica seu principal executivo, Marcelo Tomaszewski, profissional oriundo do mercado financeiro, que não revela quanto foi aportado ao negócio.

A Open foi fundada em São Paulo, no ano 2000, com especialização em soluções antifraude. A Tempest é uma empresa com seis anos de vida, oriunda da incubadora do C.E.S.A.R de Recife, com foco em pesquisa e desenvolvimento.

A carteira de clientes somadas chega a 30 empresas nas áreas financeira, seguradora, telecomunicações, siderurgia, mineração e varejo, além de órgãos governamentais. Tem uma equipe de 60 funcionários, que deverá sofrer uma rápida expansão.

?Pretendemos contratar 12 a 15 profissionais até o final do ano, com perfil que traga valor agregado ao negócio. Não pretendemos ser uma empresa de prestação de serviços com grande número de profissionais, mas sim ter uma solução tecnológica que nos permita escalar a oferta de serviços sem ter que crescer em custos?, explica Tomaszewski.

Segundo Cristiano Lincoln, diretor de tecnologia da Tempest, isso é possível graças aos recursos de automação das ferramentas que dá maior eficiência ao especialista que faz a monitoração do serviços.

Negócios

A Tempest tem planos de crescimento em curto prazo: vai construir um novo centro de monitoramento de segurança na cidade de Recife em três a quatro meses; e deve anunciar a compra de um data center no Rio de Janeiro. ?Essa aquisição é mais um negócio de oportunidade que estamos avaliando?, explica o executivo, sem revelar mais detalhes.

Outro negócio que deve ser anunciado em breve será o acordo com um grande banco brasileiro. Ele está adotando a solução de autenticação mobile token, m?truested, que permite ao usuário fazer transação de várias contas com um celular apenas. Está na fase final do projeto piloto. O mesmo projeto está em avaliação num banco norte-americano com grande número de correntistas.

O mercado externo também está na mira da nova empresa. Já está desenvolvendo parceiros no Estados Unidos, Inglaterra, França e Israel. O mercado asiático também está na pauta, pois de acordo com Tomaszewski, existe uma grande empresa indiana de BPO (business processing outsourcing), com operações nas Filipinas, interessada na parceria. ?E só uma questão de tempo para termos condições de atender essa demanda?, concluí.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top