Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Supercomputador entra em operação no CPTEC

Postado em: 30/07/2007, às 19:50 por Redação

A NEC e o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) colocam em operação, nesta terça-feira (31/7), o novo sistema computacional de alto desempenho para o Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC), que servirá como base para a definição do próximo supercomputador do órgão, previsto para 2008. A tecnologia do cluster de 1,1 mil processadores é da norte-americana Sun Microsystems, com a qual a NEC mantém uma aliança global e de suporte técnico para sistemas computacionais de alto desempenho.

O novo sistema, computacional, que está na lista dos 500 mais rápidos do mundo, de acordo com o último ranking do site TOP500 da Supercomputação.

Em instalação no CPTEC, em Cachoeira Paulista, no interior de São Paulo, desde abril, o novo sistema está na lista dos 500 mais rápidos do mundo, de acordo com o último ranking do site TOP500 da Supercomputação. O supercomputador foi adquirido pelo valor de US$ 2,4 milhões, por meio de licitação realizada pelo INPE, do Ministério da Ciência e Tecnologia, e recursos provenientes do Projeto de Tecnologia da Informação para Meteorologia (Protim).

Segundo o pesquisador responsável pelo projeto, José Paulo Bonatti, a aquisição do cluster tem como objetivos o desenvolvimento de programas operacionais e o ganho de experiência em sistemas computacionais em ambiente massivamente paralelo, ou seja, em ambientes que contêm centenas ou milhares de processadores atuando em conjunto. O CPTEC utiliza, atualmente, de forma operacional, o supercomputador NEC SX-6, de arquitetura vetorial, com 12 nós e 96 processadores.

Para Herberto Yamamuro, diretor de operações da NEC, o contrato é um novo marco na evolução do fornecimento de sistemas computacionais de alto desempenho ao CPTEC, que começou há 13 anos, com o primeiro supercomputador NEC SX. ?Nesse período, foram feitas duas atualizações tecnológicas e o desempenho das máquinas passou de 3,2 GFlops (3,2 bilhões de cálculos matemáticos por segundo) para os atuais 768 GFlops do NEC SX-6?, comenta. O diferencial desse novo contrato, segundo ele, foi a parceria com a Sun, com quem a NEC mantém uma aliança global, iniciada com projeto Titech no Japão. ?Essa parceria possibilitou a utilização de um sistema computacional da Sun, que permitirá ao CPTEC testar uma arquitetura diferente e embasar a sua escolha no próximo ano.?

?Com a NEC, a Sun também desenvolveu o maior supercomputador da Ásia, o Titech, instalado no Tokyo Institute of Technology. A parceria mundial nos dá o suporte necessário para projetos desse porte?, declarou Joaquim Merino, gerente de vendas da Sun Microsystems, ao dizer que o supercomputador é um dos mais avançados instalados no país.

De acordo com Bonatti, a contínua modernização do centro de previsão de tempo e clima do INPE, cujas atualizações têm ocorrido em média a cada quatro anos, tem permitido à instituição se manter num patamar muito próximo ao dos mais importantes centros mundiais de meteorologia. ?Com a aquisição de uma máquina em 2008 será possível ao CPTEC se manter entre os 10 ou 12 maiores centros de previsão do mundo. Esta melhoria se traduzirá, por sua vez, em aperfeiçoamento da qualidade das previsões?, completa.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top