Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Grupo Ultra migra rede corporativa para tecnologia IP/MPLS

Postado em: 30/09/2005, às 18:08 por Redação

Após três meses de análise, o Grupo Ultra decidiu migrar sua rede corporativa de longa distância para IP/MPLS com tecnologia VPN (rede privada virtual), que passará a incluir serviços de comunicação de dados, interconexão de PABXs e implantação de voz sobre IP (VoIP). A empresa contratada para analisar a WAN foi a Promon Tecnologia, que recomendou a migração.

Feita a análise de propostas de grandes operadoras de telecomunicações, o Grupo Ultra contratou a Embratel para oferecer os novos serviços baseados em tecnologia IP/MPLS. O novo contrato engloba todas as unidades do Grupo Ultra e tem duração de três anos, mas a empresa não revelou o valor do negócio.

"Além da qualidade oferecida pela nova tecnologia, a Ultragaz e demais empresas do grupo terão maior flexibilidade e uma significativa redução de custos", acredita Américo Genzini Filho, diretor da Ultragaz, empresa que detém a maior parte das localidades atendidas pela nova rede. Ele explica que com a migração terá as redes corporativas de todas as empresas do grupo (Ultragaz, Oxiteno e Ultracargo) mais integradas, o que permitirá a melhoria da gestão e da qualidade dos serviços de voz e de dados.

A Promon assessorou a Ultragaz em todas as etapas do projeto ? desenho da nova rede, preparação das solicitações de propostas (RFPs) e avaliação das propostas de fornecedores ? papel que ela desempenha junto às corporações com objetivo de orientar os seus clientes na melhor solução custo/benefício. ?A adoção de IP/MPLS é uma tendência no mercado corporativo. Temos acompanhado o crescimento do uso desta tecnologia e as vantagens tanto em economia como em suporte para voz, dados e vídeo em uma mesma infra-estrutura. Apesar dessa tendência, a análise da melhor solução deve ser feita caso a caso, de acordo com as necessidades do cliente?, diz Pedro Pedini, gerente de negócios da Promon Tecnologia.

O Grupo Ultra possui mais de cem sites, sendo 90 da Ultragaz. O projeto prevê também a implantação de VoIP em vinte e três filiais (sites) e na matriz do grupo na cidade de São Paulo, que compreende as empresas Oxiteno e Ultracargo, para comunicação de voz de longa distância.

Segundo o gerente da Promon, além da significativa redução de custos pela migração dos serviços de comunicação de dados para IP, a implantação de VoIP inicialmente nos links de maior tráfego de voz permitirá em torno de 40% de redução de custos nas ligações de longa distância nacional.

Outros benefícios para o Grupo Ultra, segundo Pedini, incluem níveis de serviços (SLAs) adequados aos requisitos de negócio e conforme a demanda por site, além da contratação de gerenciamento pró-ativo e monitoração de utilização da rede, o que vai garantir importantes melhorias no atendimento de falhas e no planejamento de capacidade da rede.

Neste momento, o Grupo Ultra está iniciando outro projeto de telefonia corporativa com a Promon, visando à atualização tecnológica, otimizações operacionais e redução de custos na sua rede de voz.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top