Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Internet cresce 14% no Brasil e atinge 46,3 milhões de usuários

Postado em: 31/10/2011, às 17:13 por Redação

O número de internautas no Brasil cresceu 14% entre setembro de 2010 e o mesmo período deste ano, segundo pesquisa do Ibope Nielsen Online divulgada nesta segunda-feira, 31. Das 61,2 milhões de pessoas com acesso em casa ou no local de trabalho, 46,3 milhões foram usuários ativos em setembro, ante 40,6 milhões de internautas em setembro de 2010.

O total de brasileiros com acesso em qualquer ambiente (domicílios, trabalho, escolas, lan houses ou outros locais) atingiu 77,8 milhões de pessoas no segundo trimestre de 2011. Com esse resultado, o Brasil superou pela primeira vez a Alemanha em número de usuários ativos em casa ou no trabalho. Com a diferença de que aqui são mais de 190 milhões de habitantes, enquanto lá são cerca de 83 milhões.

O Brasil também tem mais internautas que outros países desenvolvidos como França (41,2 milhões), Reino Unido (39,8 milhões), Itália (29,6 milhões) e Espanha (22,6 milhões). Em comparação, o Japão, um país bem menor geograficamente que o Brasil, soma 62,3 milhões de internautas – quase 20 milhões de usuários ativos a mais. É importante ressaltar que o estudo não considera países como China, Índia ou Coreia do Sul.

Segundo o Ibope Nielsen Online, as residências concentram o maior crescimento no número de usuários ativos da internet. O número de brasileiros que moram em domicílios em que há a presença de computador com internet chegou a 58 milhões, ou 10 milhões a mais que em 2010. Com dados baseados no terceiro trimestre, esse é o maior crescimento anual nos últimos dez anos.

A expansão da internet residencial é ainda maior entre quem usa conexões com capacidade superior a 512 Kb, conforme a metodologia de aferição de velocidade aplicada pela Nielsen Online nos países em que é feita a pesquisa.

Em setembro de 2010, 61% dos 31,8 milhões de usuários ativos em residências usavam conexões com velocidade superior a 512 Kbps. Em setembro de 2011, usuários nessa faixa de velocidade passaram a representar 77,8%. Os usuários de 2 Mbps a 8 Mbps passaram de 12,1% para 21,3%.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top