Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Sangfei investirá US$ 50 milhões na produção de celulares em Manaus

Postado em: 31/10/2011, às 19:46 por Daniel Machado

A Sangfei, empresa do grupo China Eletronics Corporation, anunciou nesta segunda-feira, 31, o investimento de US$ 50 milhões na planta industrial da Philips, em Manaus. A fabricante chinesa, que desde 2007 produz os celulares da Philips, passará a produzi-los localmente a partir de 2012 e pretende vender 3 milhões de aparelhos nos próximos dois anos, faturando R$ 300 milhões no período. Os aparelhos sairão com a marca da empresa holandesa.

Cinco projetos

O acordo entre a Sangfei e a Philips foi um dos cinco projetos assinados nesta segunda-feira, 31, todos envolvendo fabricantes chinesas de telefonia móvel e empresas brasileiras de tecnologia. Os acordos totalizam US$ 540 milhões e foram firmados em um evento de cooperação entre as cidades de São Paulo e Shenzhen, uma das principais capitais industriais e tecnológicas da China.

Os outros projetos envolvem serviços de venda e distribuição. Só a chinesa Huawei fechou dois: um com a AXT, no valor de US$ 80 milhões, e outro com a Nisalux, de US$ 40 milhões. O objetivo é levar os tablets e smartphones cada vez mais perto do usuário, por meio dos distribuidores e operadoras. A Huawei produz um único modelo de smartphone em Campinas, São Paulo, mas pretende iniciar, ainda na primeira metade de 2012, a fabricação de outros modelos, além de seu primeiro tablet.

Já a sua principal concorrente, a compatriota ZTE, assinou um contrato de distribuição de US$ 150 milhões com a brasileira Zero-X. A companhia chinesa ainda não iniciou a construção de sua planta fabril em Hortolândia, interior de São Paulo, mas comprou o terreno de 500 mil metros quadrados que abrigará a fábrica. Enquanto isso, a empresa produz – desde setembro – celulares e smartphones no galpão de um condomínio industrial na mesma cidade (pertencente à IBM). A nova fábrica, que também receberá o primeiro centro de pesquisa e desenvolvimento da ZTE, receberá aportes de US$ 300 milhões até 2014.

A Hytera, fabricante chinesa de equipamentos de rádios portáteis, desembolsará US$ 50 milhões para a Trunkent auxiliá-la na venda local de suas soluções de radiocomunicação.

São Paulo-Shenzen

Além dos projetos de parceria, foi assinado também, entre a Confederação Nacional de Serviços (CNS) e o Governo de Shenzen, um protocolo de intenções. O acordo prevê a visita da CNS à Shenzen em abril de 2012 para a negociação e parceria entre os dois países em diversas áreas, como tecnologia, logística, saúde, educação, serviços financeiros e hotelaria.

Tags: , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top